CAMONIANAS - N°6

11 de Julho de 2017 RicardoC Acrósticos 35

CAMONIANAS - N°6

Vejo que não vês meu desassossego,
Enquanto t'entretens com novidades
Muito mais prazerosas que as havidas.

Não te afastes, porém, d'estes meus ais,
Amor que a vida fez de mim distante,
Oculto ora da vista e da lembrança.

Sê, ao contrário, atenta aos lamentos
E -- por que não? -- sensível aos louvores,
Igual eras comigo antigamente.

Com certeza, esqueceste aquele tempo
Ou ainda m'o apagaste da memória.
Mesmo diante de grandes esperanças,
Ouço senão desculpas de teus lábios!...

Em vão -- dizes -- amaste e foste amada... 

Devo seguir em frente a qualquer custo,
Obscurecido pelas sombras da noite,
Interpretando só sinais dispersos:

Novas verdades para antigas dúvidas,
Admitidas embora a contragosto
Onde via fantasias fabricadas.

Sinto-me todo ausente já da vida,
Enquanto tu me esqueces pouco a pouco
Invariavelmente ávida d'amores.

Patéticos talvez sejamos todos...
Outra vez assentados na calçada
Quase no fim d'um dia sem ilusões,
Usando, todavia, de artifícios
Enquanto o sol se põe em meio aos prédios.

Betim - 07 07 2017

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
FANTASIA há 1 hora

FANTASIA Ando às voltas com quem eu nunca fui, Perdendo-me no qu'eu ja...
ricardoc Sonetos 8


DOCE DELEITE - Tauto em "D" há 6 horas

Doce deleite.. Dani dormia, Despertava-me... Delícia! Doce de leite....
juniorcampos Poesias 6


Eu, você e o mar... há 6 horas

Eu e você a observar o mar, e, o mar a nos observar... Admiramos nele a ...
juniorcampos Poesias 4


BRINDES há 6 horas

Eu quis o céu, eu quis a lua, ganhei de presente você toda nua... E...
juniorcampos Poesias 8


JUNDU há 1 dia

JUNDU Longe, o voo elegante da gaivota. Entre a floresta e o mar, erva ...
ricardoc Sonetos 11


Momentos há 6 dias

Se torna estranho quando vc está feliz e quer gritar ao mundo. É estranho...
dree Pensamentos 44