Tirem o martelo do meu caminho...
Meu juízo é perfeito
apesar do defeito
de querer caminhar sozinho.

Não quero sombras de nada...
Não trago belezas literais.
Procuro correr dos chacais
esparramando minhas rimas
por sobre os mortais.

Os imortais dirigem-me a palavra,
por temerem este mortal perigoso.
Eles temem que meu grito escandaloso
possa assustar suas poesias.

A.J. Cardiais