Uma palavra vale mais que mil imagens

13 de Janeiro de 2014 Victor Almeida Acrósticos 825

Reverenciemos a palavra. Ela, que nos empresta o seu espaço no tempo para que possamos nos expressar. Que contorna nossos desejos, abriga nossas intenções e registra o nossa compreensão do mundo.
As palavras são as chaves, diz um amigo. Impossível não ser. Pois são elas e tão somente elas que conseguem destrancar muitas portas, principalmente aquelas que pareciam jamais serem abertas.  Reverenciemos. Prefixos que se encaixam como lego. Vírgulas, pontos, acentos se juntam numa sinergia sintática que floreia uma frase, crava axiomas e perfuma poesias.
As palavras do bem, as que traduzem o ódio, as que revelam o inferno, as que conduzem ao pódio. Aquelas da prosódia arrastada, que tecem sotaques. As que estão na tela, no caderno, nos sinais, no braile. Reverenciemos.  Outras palavras são homônimas, algumas parônimas. Muitas delas são chiques, outras cafonas. Algumas bem antigas, obsoletas, anacrônicas. Outras modernas, hodiernas, radiofônicas. Pra tudo quanto é gosto. Para o igual. Para o oposto.
A palavra é o pavimento da comunicação. É o erudito que se torna simples, o coloquial que se torna sofisticado. O prolixo que despreza o sucinto. A metáfora que adorna a linguagem. As palavras que rimam. As que trazem coragem.
A palavra é o trunfo do ser humano. É a arma do malandro, a obsessão dos gagos, o mapa dos curiosos, o refúgio dos intelectuais, o desdém dos tolos.  Reverenciemos.  A palavra é o passaporte para o futuro, o espelho do passado, a legitimação do presente. É a síntese da arte, a profusão do imaginável. É o infinito.


Leia também
"O fim esta a chegar" há 6 horas

Alguma coisa na nossa casa não esta bem e eu já vi que tu pensas assim ...
joaodasneves Pensamentos 6


Calmaria das Horas há 8 horas

A vida me mostra um relógio... Luto contra o tempo. O tempo é longo mas...
a_j_cardiais Poesias 26


Prazeres Desalmados há 8 horas

Tem gente que só se apraz em ganhar dinheiro... Mas essa gente o que faz...
a_j_cardiais Sonetos 18


GRECO-ROMANO - Des-História Universal há 17 horas

GRECO-ROMANO Os deuses se confundem nas histórias Dos povos que se fun...
ricardoc Sonetos 8


John Owen - Hebreus 1 – Versos 1 e 2 – P4 há 19 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 6


John Owen - Hebreus 1 – Versos 1 e 2 – P3 há 19 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 7