Delírio

31 de Março de 2014 Paraty Acrósticos 780

Hoje terei um sonho, a meia-noite sob todas

as coisas, hoje terei um sonho...

aberto, sincero, real, mas.....

hoje terei meu sonho.

Só e comigo, amigo do meu sonho, um vadio

ser que fará de mim algo além do meu sonho.

Mas hoje terei um sonho; inconfessável, perdido 

por ser sonho, de outra forma apenas um 

corpo que afaga.

Um sonho, esteticamente com a cara de alma,

bela, perdida, exposta ao apelo do meu sonho.

Ninguém saberá, mas hoje terei um sonho..

Sem nenhuma pedra nesta noite, somente meu sonho....

Hoje terei meu sonho, que tanto sonhei. 



Leia também
Poema Rosa Para um Dia de Sol há 5 horas

A Rosa Emília A Rosa que an...
a_j_cardiais Poesias 32


Poema Suado há 5 horas

Estou num deserto de inspiração... Nada passa por aqui... Nem ladrão. ...
a_j_cardiais Poesias 28


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 3 há 7 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 6


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 2 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 6


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 1 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 6


""Ser deficiente, não é o final"" há 1 dia

Nos somos todos iguais, E ao mesmo tempo diferentes, Somos todos normais,...
joaodasneves Poesias 13