dica de leitura

01 de Julho de 2014 challenger Artigos 597

Dica
de leitura: A vida do livreiro A.J. Fikry, de Gabrielle Zevin


Eu
gosto de livros. Algumas vezes eu gosto mais de livros do que de ler
livros, tanto pelo fato de eu estar estudando para uma necessidade
profissional, como pelo fato de não encontrar tempo para o prazer da
leitura.


Leio
livros não lá muito interessantes, mas é o único jeito no
momento.


Decidi
ter um tempo apenas para a leitura de romances que “chamam” a
minha intenção e escolhi estrategicamente a ida/volta ao trabalho,
para suprir minhas carências de ler por prazer. Tudo bem que ler
dentro de um ônibus, numa tela pequena de celular não seja lá
muito bom, mas é relaxante. Entro dentro de um ônibus lotado e vejo
que não há o que eu fazer, apenas esperar, então que seja
esperando e lendo. Assim, não vejo o tempo passar e nem fico com a
consciência pesada, por não fazer nada.


Numa
das minhas procuras por sinopses interessantes, me deparei com “A
vida do livreiro A. J. Fikry” e esperava que fosse bem melhor do
que “A Livraria 24 Horas do Mr. Penumbra”. Gosto de livros e amo
livrarias, e por que não ler sobre elas?


Terminei
hoje a leitura e sim, o livro me fez ficar com lágrimas nos olhos
(mas não chorei. Fiquei do mesmo jeito com “A Culpa é Das
Estrelas” e nem vou me dar o trabalho de assistir ao filme). Quando
pensei sobre isso, me perguntei se existia a idéia de um filme sobre
“A vida do livreiro A. J. Fikry. (procurar sobre isso no Google e
mandar uma mensagem para a editora, elogiando o livro e perguntando
se há mais informações).


O
livro não é sobre livros e livrarias, mas de como uma pessoa que
entende tanto deste assunto, pode mudar completamente sua vida por
escolhas que faz. Algumas vezes, às escolhas são forçadas, mas por
um sentimento que não consegue explicar, continua a “defender”
essas escolhas. Mudanças de rotina para uma pessoa que é
estritamente chata e algumas vezes grossa com clientes pode ser um
amor de pessoa quando uma criança entra na sua vida. E mais do que
isso, quando um amor pode mudar tudo o que havia anteriormente
acreditado.


É
uma leitura que nos “prende”, de início ao fim, e nos deixa
tristes não por causa do final, mas pelo fato de que o livro acabou.
São aqueles personagens que iremos levar para o resto das nossas
vidas, como se fossem de carne e osso.

A Vida do Livreiro A. J. Fikry – Gabrielle Zevin

Uma carta de amor para o mundo dos livros “Livrarias atraem o tipo certo de gente”. É o que descobre A. J. Fikry, dono de uma pequena livraria em Alice Island. O slogan da sua loja é “Nenhum homem é uma ilha; Cada livro é um mundo”. Apesar disso, A. J. se sente sozinho, tudo em sua vida parece ter dado errado. Até que um pacote misterioso aparece na livraria. A entrega inesperada faz A. J. Fikry rever seus objetivos e se perguntar se é possível começar de novo. Aos poucos, A. J. reencontra a felicidade e sua livraria volta a alegrar a pequena Alice Island. Um romance engraçado, delicado e comovente, que lembra a todos por que adoramos ler e por que nos apaixonamos.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Minha essência é a eternidade. há 2 horas

Manhã cinza dia tão estranho e ruim, Paira no ar uma sensação de fraca...
elisergio Sonetos 5


LAMPEJOS há 2 horas

LAMPEJOS Eu pouco a pouco volto à realidade. Ao acordar, lamento antes...
ricardoc Sonetos 5


Deixe Esse Amor Crescer há 18 horas

Deixe esse amor crescer... Ele está brotando em um coração árido. De...
a_j_cardiais Sonetos 33


Ás palavras não são mais meu legado. há 18 horas

Fiz-me silenciar por que te perdi! Tu me revogara a licença concedida, D...
elisergio Sonetos 7


Não há o que comemorar. há 18 horas

Não há de fato o que comemorar! A virgem do sertão não é independente...
elisergio Sonetos 6


A vida depois daqui! há 18 horas

Ver que a morte não é o fim, é o início! Disse-me com amor chamando de...
elisergio Sonetos 7