Até mesmo uma pessoa que não tenha a habitação do Espírito Santo, pode receber sonhos e visões de Deus, tal como faraó e Nabucodonosor, no passado.Mas conhecer a Deus com o discernimento da Sua vontade e dos Seus planos, é somente possível para aqueles que têm o Espírito Santo, porque na verdade, é Ele quem discerne a vontade de Deus nos crentes, interpretando a mente de Deus para eles.Deus é infinito, eterno, é profundidade insondável, e por isso somente Deus pode conhecer quem é Deus, ou seja, somente Jesus e o Espírito Santo, que são a respectivamente, a segunda e a terceira pessoas da Trindade divina, podem conhecer perfeitamente quem é Deus Pai. Assim, necessitamos da instrução e da direção do Espírito Santo, que habita em nós, para chegarmos a um verdadeiro conhecimento de Deus, ainda que este seja sempre parcial em razão da nossa natureza finita, imperfeita e limitada.Por isso Paulo cita estas coisas neste texto de I Cor 2, e afirma no final do mesmo, que é somente nos crentes espirituais que Deus é bem discernido porque eles têm a mente de Cristo, ou seja, Cristo cresceu neles de tal maneira, que podem receber através dEle, pelo Espírito, tudo o que seja da vontade de Deus relativamente a eles ou a qualquer outra pessoa, fato ou coisa, especialmente no que diz respeito ao discernimento do significado da verdade revelada na Sua Palavra."10 Porque Deus no-las revelou pelo seu Espírito; pois o Espírito esquadrinha todas as coisas, mesmo as profundezas de Deus.11 Pois, qual dos homens entende as coisas do homem, senão o espírito do homem que nele está? assim também as coisas de Deus, ninguém as compreende, senão o Espírito de Deus.12 Ora, nós não temos recebido o espírito do mundo, mas sim o Espírito que provém de Deus, a fim de compreendermos as coisas que nos foram dadas gratuitamente por Deus;13 as quais também falamos, não com palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas com palavras ensinadas pelo Espírito Santo, comparando coisas espirituais com espirituais.14 Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque para ele são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.15 Mas o que é espiritual discerne bem tudo, enquanto ele por ninguém é discernido.16 Pois, quem jamais conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo." (I Cor 2.10-16)"13 Ora, qualquer que se alimenta de leite é inexperiente na palavra da justiça, pois é criança;14 mas o alimento sólido é para os adultos, os quais têm, pela prática, as faculdades exercitadas para discernir tanto o bem como o mal." (Hb 5.13,14) A nossa mente natural nada pode entender senão somente as coisas relativas aos homens, mas não as que são relativas a Deus.Por isso se requer antes de tudo, que se tenha nascido do Espírito Santo, para se poder entender a pessoa de Deus.Devemos colocar em realce algumas afirmações feitas pelo apóstolo, como por exemplo, as seguintes:12 Ora, nós não temos recebido o espírito do mundo, mas sim o Espírito que provém de Deus, a fim de compreendermos as coisas que nos foram dadas gratuitamente por Deus;Veja que é dito que recebemos o Espírito para o fim de compreendermos as coisas que nos foram dadas por Deus. Ou seja, seria impossível ter tal compreensão sem o Espírito.Então fica fácil de entender que esta compreensão fica impossibilitada ou muito prejudicada quando entristecemos e apagamos o Espírito Santo, ou quando deixamos de fazer progresso em crescimento espiritual, sendo crianças espirituais, que não podem entender as coisas relativas ao Espírito, porque elas não são para serem discernidas por crianças (crentes carnais), senão para crentes maduros, ou seja, espirituais. 13 as quais também falamos, não com palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas com palavras ensinadas pelo Espírito Santo, comparando coisas espirituais com espirituais.Veja que se afirma que as palavras que Paulo ensinava acerca de Deus não eram palavras que havia aprendido pela sua própria sabedoria humana, mas eram palavras que lhe foram ensinadas pelo Espírito Santo, porque o que é espiritual somente pode ser comparado com aquilo que for também espiritual, ou seja, sendo Deus espírito, só pode se comunicar com o Espírito, o qual habita em íntima comunhão com o nosso espírito, que fica assim habilitado a receber as comunicações de Deus por meio do Espírito Santo.Por isso dizemos que Deus somente conhece a Deus, ou poderíamos até mesmo dizer que Deus se comunica somente em plenitude e discernimento com Ele próprio, daí necessitarmos da habitação do Espírito Santo, para que possamos compreender a mente de Deus, que não é outra senão a mente do próprio Cristo.Daí Ele ter afirmado que:Todas as coisas me foram entregues por meu Pai; e ninguém conhece plenamente o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece plenamente o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar. (Mt 11.27) Então para que possamos conhecer ao Pai, é necessário que isto seja feito por meio da revelação que é feita pelo Filho, por meio do Espírito Santo, segundo o que temos afirmado até este ponto, com base no que está contido nas Escrituras.14 Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque para ele são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.15 Mas o que é espiritual discerne bem tudo, enquanto ele por ninguém é discernido.16 Pois, quem jamais conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo.Nesta porção final do nosso texto de I Cor 2, nós vemos que a rigor, a nossa comunicação com Deus também só pode ser feita através do Espírito Santo. Por isso se diz que Ele intercede por nós. Porque é no Espírito que a oração será eficaz e real. Porque é impossível haver comunicação com Deus, caso não seja no Espírito. Por isso Jesus diz que ninguém pode ir ao Pai a não ser por meio dEle.Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (Jo 14.6)Não apenas por termos nEle um intercessor, mas por efetivamente ser necessária que toda comunicação com o Pai seja feita através de nosso Senhor, formado em nós, pelo Espírito.Disto se subtende que quanto maior for a plenitude de Cristo que houver em nós, maior e melhor será a nossa comunicação com Deus, e dEle conosco, porque haverá um canal apropriado, para o estabelecimento de tal comunicação.Por isso o apóstolo exortava tão insistentemente os crentes de todas as igrejas a crescerem até a plenitude de Cristo, para que pudessem compreender com todos os santos qual é a extensão das realidades espirituais que estão disponíveis para eles em Cristo Jesus.15 Por isso também eu, tendo ouvido falar da fé que entre vós há no Senhor Jesus e do vosso amor para com todos os santos,16 não cesso de dar graças por vós, lembrando-me de vós nas minhas orações,17 para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê o espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele;18 sendo iluminados os olhos do vosso coração, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos,19 e qual a suprema grandeza do seu poder para conosco, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder,20 que operou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos e fazendo-o sentar-se à sua direita nos céus, (Ef 1.15-20)14 Por esta razão dobro os meus joelhos perante o Pai,15 do qual toda família nos céus e na terra toma o nome,16 para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais robustecidos com poder pelo seu Espírito no homem interior;17 que Cristo habite pela fé nos vossos corações, a fim de que, estando arraigados e fundados em amor,18 possais compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade,19 e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios até a inteira plenitude de Deus. (Ef 3.14-19)11 E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres,12 tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;13 até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, ao estado de homem feito, à medida da estatura da plenitude de Cristo;14 para que não mais sejamos meninos, inconstantes, levados ao redor por todo vento de doutrina, pela fraudulência dos homens, pela astúcia tendente à maquinação do erro;15 antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, (Ef 4.11-15)1 Pois quero que saibais quão grande luta tenho por vós, e pelos que estão em Laodicéia, e por quantos não viram a minha pessoa;2 para que os seus corações sejam animados, estando unidos em amor, e enriquecidos da plenitude do entendimento para o pleno conhecimento do mistério de Deus-Cristo,3 no qual estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência. (Col 1.1-3)E isto peço em oração: que o vosso amor aumente mais e mais no pleno conhecimento e em todo o discernimento, (Fp 1.9)Por esta razão, nós também, desde o dia em que ouvimos, não cessamos de orar por vós, e de pedir que sejais cheios do pleno conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e entendimento espiritual; (Col 1.9)e vos vestistes do novo, que se renova para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou; (Col 3.10)o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade. (I Tim 2.4)2 Graça e paz vos sejam multiplicadas no pleno conhecimento de Deus e de Jesus nosso Senhor; 3 visto como o seu divino poder nos tem dado tudo o que diz respeito à vida e à piedade, pelo pleno conhecimento daquele que nos chamou por sua própria glória e virtude; (II Pe 1.2,3)Porque, se em vós houver e abundarem estas coisas, elas não vos deixarão ociosos nem infrutíferos no pleno conhecimento de nosso Senhor Jesus Cristo. (II Pe 1.8)Não há necessidade de se acrescentar mais nada ao que é afirmado nestes textos para que se comprove que de fato todo crente necessita crescer até a plenitude do conhecimento de Cristo, para não somente discernir a vontade de Deus, como também para poder fazer esta Sua vontade na Sua obra. 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Veja tudo sobre as Escrituras do Velho Testamento no seguinte link:http://livrosbiblia.blogspot.com.br/Veja tudo sobre as Escrituras do Novo Testamento no seguinte link:http://livrono.blogspot.com.br/A Igreja tem testemunhado a redenção de Cristo juntamente com o Espírito Santo nestes 2.000 anos de Cristianismo.Veja várias mensagens sobre este testemunho nos seguintes links:http://retornoevangelho.blogspot.com.br/http://poesiasdoevangelho.blogspot.com.br/A Bíblia também revela as condições do tempo do fim quando Cristo inaugurará o Seu reino eterno de justiça ao retornar à Terra. Com isto se dará cumprimento ao propósito final relativo à nossa redenção.Veja a apresentação destas condições no seguinte link:http://aguardandovj.blogspot.com.br/