Por D. M. Lloyd Jones O orgulho intelectual é uma condição da mente e da alma que a Bíblia descreve em termos de "inchar-se". Paulo afirma, em 1 Coríntios 8:1 — "A ciência incha"("O conhecimento incha"). Todas as espécies de conhecimento tendem a inchar-nos. Todavia o conhecimento bíblico em particular tem essa tendência. O homem fica orgulhoso do seu conhecimento e do seu entendimento; torna-se uma autoridade; e, por sua vez, naturalmente, vem a desprezar os outros. Esse foi um dos grandes problemas ocorridos em Corinto. O irmão mais forte desprezava o mais fraco — esse sujeito ignorante que não "sabe" nada! As pessoas fortes, esclarecidas, dotadas de facilidade para progresso no conhecimento, desprezava os outros irmãos, pelos quais Cristo morreu. O apóstolo não poupa estes irmãos "fortes"; trata-os com severidade. "O conhecimento incha, mas o amor edifica." A terrível tentação para orgulhar-nos do nosso conhecimento da bíblia, do nosso conhecimento da doutrina, sempre está presente. E, enquanto estivermos nessas condições, é claro que não estaremos em contato com as Pessoas divinas.Ninguém pode ficar orgulhoso na presença de Deus, ninguém que realmente conheça o Senhor Jesus Cristo pode inchar-se. Como diz o apóstolo, "Ainda não conhecemos nada como devíamos conhecer" ("conhecemos em parte"). No máximo, "vemos por espelho em enigma", neste mundo (1 Coríntios 13:12). Nada temos de que possamos orgulhar-nos. Como Tiago o expressa, "Meus irmãos, muitos de vós não sejam mestres" (Tiago 3:1). Tenham o cuidado, diz ele, de não erigir-se em padrão para o seu próprio julgamento. Se se colocarem como autoridades, bem, esperem ser julgados como autoridades. Se alguém disser: "Eu sei tudo sobre isso", será examinado com base nisso. Todo e qualquer orgulho e satisfação própria na presença de Deus é totalmente inimaginável. Ainda não sabemos nada como deveríamos saber, não passamos de principiantes, remadores a remar na beira deste poderoso e imenso oceano da verdade. Acautelemo-nos do orgulho intelectual; este foi a causa do pecado original, e tem sido, desde então, o pecado que assedia o povo de Deus. "Aquele que se gloria, glorie-se no Senhor" (1 Coríntios 1:31) — não no conhecimento da doutrina, não no conhecimento sobre o Senhor. Glorie-se no Senhor mesmo, e em nada mais. 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Veja tudo sobre as Escrituras do Velho Testamento no seguinte link:http://livrosbiblia.blogspot.com.br/Veja tudo sobre as Escrituras do Novo Testamento no seguinte link:http://livrono.blogspot.com.br/A Igreja tem testemunhado a redenção de Cristo juntamente com o Espírito Santo nestes 2.000 anos de Cristianismo.Veja várias mensagens sobre este testemunho nos seguintes links:http://retornoevangelho.blogspot.com.br/http://poesiasdoevangelho.blogspot.com.br/A Bíblia também revela as condições do tempo do fim quando Cristo inaugurará o Seu reino eterno de justiça ao retornar à Terra. Com isto se dará cumprimento ao propósito final relativo à nossa redenção.Veja a apresentação destas condições no seguinte link:http://aguardandovj.blogspot.com.br/