CRISTO: A VERDADEIRA RELIGIÃO

18 de Agosto de 2017 Pr CJJacinto Artigos 203






João 14:6


A palavra religião vem do latim “religare”, a religião significa em simples palavras “aquilo que liga o homem a Deus” Esse é o significado comum da religião. Uma vez que, levar o homem a Deus é um atributo exclusivo de Cristo, posso concluir que Cristo é a verdadeira religião. Ora Cristo mesmo afirmou ser o Caminho, e ele concluiu “Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim”(João 14:6) Torna-se obvio que Cristo é no sentido mais puro da palavra, a verdadeira religião. Esse fato é um fundamento irremovível (I Coríntios 3:11) pois ninguém pode por outro fundamento além do que já está posto, segue a verdade que todas as outras religiões não podem ser verdadeiras. A religião quando atribuída a uma organização, não é verdadeira, a religião quando atribuída a um sistema de crenças não é verdadeira. Só cristo preenche todos os requisitos para ligar o homem com Deus, pois ele mesmo declarou “Ninguém vem ao Pai a não ser por mim”. O apostolo Pedro atesta essa verdade fundamental quando declara que em nenhum outro há salvação por que abaixo do céu não existe nenhum outro nome pelo qual importa sejamos salvos. (Atos 4:12). Em outra parte, Paulo também declarou que Cristo é o único mediador entre Deus e os homens (I Timóteo 2:5). Através dessas verdades imensuráveis entendemos que a religião é viver Cristo, viver para Cristo e crer na obra consumada de Cristo. Ele nos leva a Deus, e somente Ele. Andai nele, disse Paulo, deixou o exemplo para que possamos seguir suas pisadas, nos disse Pedro. Sendo Cristo o caminho que liga o homem a Deus, sendo ele também a verdade, é a verdadeira realidade, Ele é o nosso único e suficiente Salvador. Sua salvação é tão eterna quanto a sua pessoa. Sendo Ele o caminho, pela sua carne e pelo seu sangue nos dá livre a cesso perante o trono da graça (Hebreus 10:1 A 10) Cristo em vós é a esperança da glória. Cristo é a verdadeira religião porque Deus se fez homem, para que o homem tenha a acesso até Deus. O Verbo se fez carne e o Verbo era Deus. Cristo é a manifestação do divino ao humano, para que pela redenção de Cristo, o homem tivesse acesso às coisas divinas. Cristo foi a descida do divino ao humano, para que o homem pudesse ir até a presença do Divino. Foi uma descida do eterno ao temporal, para que o mortal se revista da imortalidade. A obra de Cristo começou consigo mesmo, como o Filho eterno que se humilhou sendo feito homem, para que os redimidos sejam glorificados. Bendito seja o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, nosso salvador suficiente e eficiente. Na cruz, pela sua morte deu vida com abundancia, para vivermos em plenitude da mais sublime esperança.

Clavio J. Jacinto


Leia também
CONTOS DO ANDARILHO A MULTIPLICIDADE NA UNIDADE. há 1 dia

CONTOS REFLEXIVOS DO ANDARILHO ...
paulocesar Acrósticos 14


A Motivação Correta há 2 dias

“Pois o pecado não terá domínio sobre vós, porquanto não estais deba...
kuryos Artigos 18


A CALÇADA DE PEDAÇOS DE OUTRAS CALÇADAS há 2 dias

Ele acreditava em seu mundo; seu mundo, também esperava por ele. Ele se...
paiva Poesias 31


Ir, importa mais que a direção. há 2 dias

Vens, ama-me de vez em quando, Ainda quem sem tanto interesse. E assim pe...
elisergio Sonetos 16


A CASA DE BARRO há 3 dias

A CASA DE BARRO Por Roosevelt Vieira Leite A casa de barro de minha cun...
paiva Poesias 39


MULHER-ESPETÁCULO há 3 dias

MULHER-ESPETÁCULO Ela sozinha vale já o ingresso!... Seminua no palco...
ricardoc Sonetos 23