Hoje,vendo o Jornal Hoje da Rede Globo,escutei uma reportagem sobre os judeus intelectuais.Fiquei um tanto quanto espantado com essa notícia devido a palavra intelectual,e fiquei indagando como que um judeu pode ser intelectual?
Como sobreviver o próprio conhecimento em uma região onde há conflitos toda hora,onde ainda existe o sincretismo religioso que as Tvs de lá não deixam claro?Engraçado seríamos de pensar que todos os judeus são burros não sabem criar nem transformar nada que vêem de forma subjetiva ou objetiva,mas,até que ponto judeu pode ser intelectual?Algo novo com certeza,vê os outros,um ser considerado extraordinário por viver em uma região horrenda que a qualquer momento pode ser morto ou querer que a política interfira no bem-estar da população.
Nessas dúvidas que,vêem outras perguntas não respondidas,será que possuirá outros ideais da Europa?Sabemos pouco daquela região e dos que seguem essa religião,é admirável vermos judeus sendo intelectuais acima da média por europeus e asiáticos(latino-americano ainda tem muito que aprender com essas duas culturas).
A única verdade que sabemos é,se essa pessoa querer implantar isso na sua religião ou no país onde vive,será perda de tempo,pois,o livre arbítrio será como se fosse jogado no lixo,parabéns aos judeus intelectuais que infelizmente vão boiar em seus países hipócritas e exclusos da forma política e social em que estes mesmos vivem,judeu não é raça,judeu pode ser inteligente com qualquer outra pessoa de todos continentes,pena que a arbitrariedade ainda existe.