Uma pessoa não é salva por Cristo por meio de argumentos humanos persuasivos.Ainda que alguém pudesse compreender nocionalmente todos os mistérios espirituais concernentes à justificação pela fé, à regeneração e santificação do Espírito Santo, ele não poderia ser salvo e santificado a menos que estas realidades espirituais lhe fossem comunicadas de modo experimental pela graça divina.Sem uma experiência real de conversão, sem que o próprio Espírito Santo opere em nós esta salvação, continuaremos os mesmos de sempre, só que com a diferença de possuir agora conhecimentos religiosos.Por isso a fé não é apenas o assentimento da nossa mente às verdades reveladas, ou seja, a nossa aceitação de que a Palavra de Deus seja a verdade.Além deste assentimento é necessário a confiança em Cristo que nos leva a nos entregar inteiramente a Ele e ao Seu trabalho e cuidado. Isto consiste em se apropriar do conhecimento da verdade ao qual demos o nosso assentimento que se torna real e prático na nossa confiança no Senhor e na disposição de cumprir os Seus mandamentos e vontade.Deus honrará este tipo de fé que é mais do que mero conhecimento e assentimento relativo à verdade.E responderá com a concessão da Sua graça e poder para operar a nossa transformação (conversão, santificação etc).