Theobaldo Miranda Santos: de professor a educador

12 de Abril de 2014 Acir da Cruz Camargo Biografias 1877

Theobaldo Miranda Santos nasceu na cidade de Campos, no Estado do Rio, a 22 de junho de 1904. Fez o curso primário e secundário nessa cidade, diplomando-se no Liceu de Humanidades e Escola Normal Oficial. Com o objetivo de dedicar-se ao ensino e à educação e no desejo de adquirir uma base cultural mais sólida, diplomou-se em Farmácia e Odontologia em Juiz de Fora, no Estado de Minas Gerais. Iniciou a carreira de professor nesse Estado, ensinando nas escolas normais oficiais.Transferiu-se, mais tarde, para Campos, no Estado do Rio, onde se tornou Diretor e Catedrático de Física, Química e História Natural, do Liceu de Humanidades e Escola Normal. Nessa mesma cidade exercem também as funções de Superindentente Municipal de Educação e Cultura e professor da Faculdade de Farmácia e Odontologia e da Escola Superior da Agricultura.Em 1938, foi transferido para o Instituto de Educação de Niterói, sendo depois nomeado professor da antiga Universidade do Distrito Federal. Nesta Universidade chegou a ocupar a cátedra de Prática de Ensino e a Chefia da 12ª Seção Didática. Em 1941, foi nomeado Diretor do Departamento de Educação Técnico-Profissional e, em 1942, Diretor do Departamento de Educação Primária da Prefeitura do então Distrito Federal. Nessa época, já era catedrático de Filosofia e História da Educação  da Pontíficia Universidade Católica e da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Santa Úrsula.Em 1944, candidatou-se ao concurso de cátedra de Filosofia da Educação do Instituto de Educação do Rio de Janeiro, sendo classificado em primeiro lugar. Nomeado para essa cátedra, exerceu, em seguida, por duas vezes, as funções, em caráter interino, de Secretário Geral de Educação e Cultura da Prefeitura do antigo Distrito Federal. Ocupou também, por duas vezes, o cargo de Diretor do Departamento de Difusão Cultural da referida Prefeitura.Exerceu ainda as funções de professor de Pedagogia da Escola do Serviço Social e de Física do Colégio Sion do Rio de Janeiro. Em 1958, aposentou-se no magistério passando a dedicar-se, exclusivamente, á elaboração de livros didático[s], atividade a que se dedicava desde 1942. Theobaldo Miranda Santos é o professor que mais livros publicou na América Latina. São de sua autoria cerca de 130 obras sobre Literatura, Pedagogia, Psicologia, Sociologia, Filosofia, Economia e História e destinadas aos cursos primário, secundário, normal e superior.Theobaldo Miranda Santos é casado com a Professora Dona Carmen Menezes Santos e possui cinco filhos e nove netos. Reside à rua Aires Saldanha, 98, apartamento nº 201, em Copacabana, no Rio de Janeiro.[Theobaldo Miranda Santos, história da educação, filosofia da educação, biografia, educador]

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
SÓ PARA DIZER BOM DIA. há 2 horas

Fiz ao nascer da alva, Sob a luz que o sol irradia, Estes versos vindos d...
madalao Poesias 5


DEIXA-ME NO TEU VENTRE há 2 horas

Deixa-me, no teu ventre, eu ficar, Neste ninho de amor tão quentinho. L...
madalao Poesias 5


Equação do Amor há 2 dias

Corre pra mim... Talvez eu ainda não saiba o que é o amor; Não tenha ...
a_j_cardiais Poesias 52


Qual é a Nossa Parte? há 2 dias

O conceito arminiano de que devemos fazer a nossa parte para que Deus pos...
kuryos Artigos 12


"Lagrimas" há 2 dias

Um silêncio triste e profundo Uma lágrima caiu Na tarde fria, e escura ...
joaodasneves Poesias 12


Realidade, Deixe-me Sonhar há 2 dias

Ah, realidade, realidade... Você não respeita minha privacidade. Vo...
a_j_cardiais Poesias 56