Quando meu coração sangra, e por você.

19 de Junho de 2014 Erotika Cartas 1270





Não imaginei que amor de fato
existisse, acreditava que nunca tinha sentido, até conhecer Nell, meu Deus,
como penso nele, a todo o momento, e quando nos olhamos, sinto meu corpo
queimar de tanto amor e desejo, queria ser dele, pertencer a ele, mas pela primeira
vez na minha vida sinto que há um enorme obstáculo entre nós.



Quando ele me olha, me sinto
invadida é como se minha alma fosse violada com um simples olhar que de fato
não é tão simples, há muito aprendi que os olhos podem falar muito mais que a
boca, e nossos olhos conversam e é um dialogo silencioso mais cheios de
segredos, meu pulmão fica cansado minha respiração ofegante tem medo, pela
primeira vez na minha vida sinto medo deste obstáculo.



O que ninguém sabe e que sofro em
silencio e em segredo, eu não poderei ousar contar a ninguém toda essa minha
angustia, pela primeira vez na minha vida, acredito que estou amando de
verdade, não é só um desejo carnal e como se meu espírito e o dele estivessem
ligados por alguma força mágica.



Se Deus me ouvisse e o desse a
mim, prometo que faria dele um homem feliz, porque acredito que com ele seria
feliz porque ser feliz e uma condição humana.



Minha alma já e feliz em vê-lo
todos os dias, e se satisfaz com seus olhares furtivos, sei que ele me ame
também seu olhar fala isso a todo o momento, mas não podemos ficar juntos, ao
menos não poderemos anunciar nossa felicidade ao mundo.



Sofrer em silencio e este o meu
castigo, e esse o nosso castigo?



Sentada na escada, olho o tempo
que passa lentamente, me deixando para trás, e pego carona nesse tempo, sou
feliz agora, mas também estou triste, feliz por amar Nell, triste por amar Nell.
Toda noite sinto um desespero tão profundo dentro de mim, parte de mim não quer
ama -lo e a outra parte de mim deseja profundamente amar este homem, o quer a
todo custo e fica furiosa em imagina-lo nos braços de outra, arrancaria os
olhos de quem ousasse lhe olhar com o mesmo amor que eu, arrancaria o coração
de quem ousasse ama-lo como eu, arrancaria os lábios de quem ousasse beija-lo
como eu desejo beija-lo.



Jamais imaginei que amar doesse
tanto, e uma dor sem dor, e um sentimento estranho para mim, é novo e é devastador,
é como arrancar meu coração com uma colher.



Se soubesse que amar era tão
complexo, trocaria o meu coração por uma pedra gelada e fria sem sentimentos.



Minha primeira opção e desistir
desse amor, arranca-lo do meu peito como se extrai uma espinha do rosto, na
tentativa que ela jamais volte!



Ah, se o mundo pudesse entender e
o tempo pudesse me ouvir, eu não falaria e nem murmuraria, eu gritaria para
quem quisesse ouvir..........O quanto amo você e o quanto você me ama!



Quando penso em você me sinto
flutuar, sinto que toco as estrelas que moro no céu, tento todos os dias
superar essa dor que arrasa meu coração e que vem junto com as doces lembranças
do teu ser, desejo o dia que nosso amor se conjugará em um só corpo, o nosso,
que nossos lábios serão unidos em um delicioso e doce beijo.



Preciso que ele saiba “que se
tornou tudo em minha vida, que e meu doce veneno, meu precioso tesouro”.



Será que as pessoas se apaixonam
em vão?



Será que me apaixonei em vão?



Como as flores que renascem a
cada por do sol, ele renasce em meu coração todos os dias, renasce no meu
caminho meu anjo, ele e meu sonho bom, é meu doce sonho bom.



Quando ele me olha amor, sinto
que posso me perder nas profundezas daqueles olhos verdes, seu olhar me inebria
me deixa hipnotizada, como é possível! Ele me traz a sensação de felicidade, e
não há mais como arrancar isso da minha vida.



Nell chegou sem avisar, bateu na
porta do meu coração e eu inocentemente o deixei entrar, você roubou a minha
doce paz, sequestrou meu coração e agora amor, não tem mais jeito, ele e seu e
não haverá resgate, não pagarei para te perder.



Quando meu coração sangra, é por
você!



Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Confesso-te que..." há 3 horas

Ao perder um grande amor, Confesso que até chorei, Mesmo assim tudo ...
joaodasneves Poesias 5


Vida Pela Via da Fé há 6 horas

O que poderia o ministério da Lei sob o Antigo Testamento, fazer por si m...
kuryos Artigos 9


Para quem é a Mudança da Lei de Moisés há 8 horas

O apóstolo Paulo afirma que o crente não está sob a lei e sim sob a gr...
kuryos Mensagens 5


Cultivando Observações - 1 há 10 horas

Eu vivia arrastando silêncios, pelas plataformas da vida. Agora dispenso...
a_j_cardiais Poesias 18


"É tarde demais" há 12 horas

Não há mais tempo Não adianta agora chorar É tarde demais. É tarde ...
joaodasneves Poesias 11


"Amada Amante"... há 12 horas

A primavera chegou, sai como sempre o dia estava bonito, o sol brilha...
joaodasneves Prosa Poética 8