Descobertas Adolescentes-Cap-37

04 de Julho de 2014 guilherme Contos 929

Miguel, Igor e Rafael ainda estavam lutando, quando ouviu o grito do Policial, num rápido salto, os três se jogaram ao mar e mergulharam o mais fundo possível, de baixo da água se via o clarao da explosão e o fogo se espalhando pelas pecas do barco.

Gabriel: Nãoooooooo

O policial e Gabriel voltaram para os destroços do barco.

Gabriel: Miguel, Rafaaaa, nãoooooooooo, cadê vocês?

O choro de Gabriel foi transformado em lagrimas com sorriso, ao ver a cabeça de Miguel surgir na água, seguida de Igor e Rafael, todos estavam bem. Gabriel puxou Rafael e Miguel, e o Policial puxou Igor e o corpo do outro Policial

Gabriel: que bom que vocês estão bem, meu amor, tive tanto medo.

Miguel: calma Gabi, estou aqui.

Miguel segurou na mão de Gabriel.

PRAIA

Ricardo: O barco explodiu

Todos estavam vendo o que aconteceu, viram o fogo subir numa explosão, embora não tivesse ouvido nem vendo nada, somente as chamas.

Theo: Meu Deus, o que eu fiz? O que eu fiz?

Fernando: calma Theo, você não fez nada, vamos esperar e ver o que aconteceu, eles estão bem.

Theo: Se tiver acontecido algo  com eles não vou me perdoar, eu que dei a idéia ao Igor, eu que o induzir.

Tonia: O Nando tem Razão, espera.

Blenda: é amigo, espera.

Embora todos estavam como Theo nervosos, esperaram ate que eles foram se aproximando. O policial estava sem algemas mais segurava os braços de Igor para trás com as mãos.

Ricardo: gente, o que houve?

Gabriel: Esse maluco, quase mata todo mundo.

Igor: eu não queria, Rafa, meu amor, por favor não deixe me levar, eu só queria ter você de volta.

Rafael olhava com nojo para Igor.

Theo: Rafa, me desculpe, se eu soubesse.

Theo já estava chorando ao vê-los.

Rafael: Theo amigo, não se preocupe, não é culpa sua, esse cara ser um doente.

Theo continuava a chorar mesmo assim.

Policial: vamos levá-lo, depois vocês prestam queixas na delegacia, sei que não estão com cabeça para isso agora.

Rafael agradeceu e ia voltando para dentro da casa, deixando os outros, quando percebeu um movimento, Igor havia jogado sua cabeça para trás com tudo e nocauteado o Policial, que caiu no chão sangrando com o nariz quebrado.

Gabriel: rafa cuidado

Mas não foi necessário, Igor saiu correndo para outra direção, saindo a vista de todos, o Policial chamou o reforço e saiu atrás dele.

A noite seguiu, não conseguiram pegar Igor, os policias manteram guarda aos garotos, que estavam agora dentro da casa, sem conseguir dormir.

Gabriel: Não to acreditando ate agora, poderia ter acontecido o pior.

Theo: me sinto tão mal por isso, que... nossa.

Rafael: Já disse Theo, você só achou que seria bom, não é culpa sua. Gente vou subir e me deitar.

Gabriel: Espera Rafa, se você quiser podemos ir embora amanha mesmo daqui.

Rafael: não, não vamos acabar com nossas férias, vamos manter o plano e ficar ate o combinado

Rafael subiu, deitou na cama e fechou os olhos.

------------------

DIA

-----------------

RESIDENCIA FAMILIA RIBEIRO

Thiago estava na cozinha, preparou um delicioso café da manha para levar para Matheus, que continuava dormindo, levou tudo num bandeja e acordou o primo passando a mão dele pelo rosto dele.

Thiago: Bom dia dorminhoco.

Matheus acordou devagar abriu os olhos e deu um sorriso para Thiago, que levou um morango com leite condensado a boca de Matheus e deu um selinho nele também.

Matheus: qual motivo dessa tamanha felicidade?

Thiago: motivossss... 1° Tenho você comigo e 2° Nosso tio Jonh, me chamou para ir ao hospital que ele trabalha, sabe que quero cursar Medicina e pediu permissão para eu ver como é o procedimento lá.

Matheus: nossa que legal, amor.

Thiago: Aham, vou aproveitar e deixar alguns cartazes lá do Lipe, quem sabe né?

Matheus: é sim, faz isso mesmo.

PRAIA

Fernando estava sentado com Theo, Carol e Blenda na areia observando o mar, quando Maicon se aproximou e se sentou com eles.

Theo: Blenda vamos dar uma ensaiada? Carol pode nos assistir e dizer o que acha.

Carol e Blenda: claro

As duas entenderam a situação e saiu, deixando Maicon e Fernando a sós. Um silencio entre os dois perpetuaram por uns minutos, ate que foi quebrado por Maicon.

Maicon: Nando, vou ser direto, todos sabem que eu te amo de verdade, e não posso negar esse sentimento dentro de mim.

Fernando: Maicon eu... não sei se conseguiria, mas poderíamos recomeçar do zero.

Maicon: é isso que quero falar com você, não me leve a mal, eu gostaria muito, muito mesmo de recomeçar com você, eu te amo e nada mudará isso, mas a coisas do meu passado que me condena, fiz coisas que não me orgulho nem um pouco, e que na hora certa terei que pagar.

Fernando:Do que esta falando?

Maicon: Eu e o Pedro somos parecidos, não só fisicamente, mas também na personalidade.

Fernando: não estou entendendo.

Maicon: Nando, o que tem naquela Mídia é uma coisa horrível, uma coisa que... não posso te contar, ainda, mas quero te dizer que quero pagar, não, preciso pagar aprendi isso com você, se eu não tivesse me apaixonado nunca queria pagar pelo que fiz, mas hoje entendo, magooei muita gente, fiz alguém sofrer muito. E não devo namorar com você, tenho que manter distancia,é um dos preços a pagar que eu dei a mim mesmo, por amor a você.

Fernando: Maicon, não importa o que tem na Mídia, importa o seu hoje.

Maicon: Não é tão simples.

Maicon começou a chorar.

Maicon: Um dia você entederá, quero que siga em frente, encontre um novo amor, alguém que te ame muito, ate mais que eu. Toda ação tem uma reação, caminhamos sempre pro nosso destino desde que nascemos, todos nossos atos são ligados, os meus do passado implica nisso, nunca poderei te- ló, nem a ninguém.

Maicon se levantou e saiu,deixando Fernando abalado.

-----------------------

DIA SEGUINTE

------------------------

RESIDENCIA DE PEDRO

Já era 11:00 hs da manha, 28 de junho, Pedro se levantou tarde, o que não é de costume, mais ele queria que o dia passase rápido, foi ao banheiro, tomou banho, escovou o dentes, fez tudo que precisava fazer, passou pelo calendário e olhou para a data do dia.

Pedro: é... é hoje.

Pedro se vestiu e antes de sair do quarto, falou para sim mesmo.

Pedro: Feliz aniversario Pedro.

PRAIA

O tempo foi passando, a conversa de Fernando e Maicon já havia se afastado da mente de Nando, que estava sentado ainda na areia, agora com Theo e Ricardo. Nando estava pensativo.

Ricardo: Nando, em que esta pensando?

Theo: Eu sei no que, também não esqueci Nando.

Ricardo: o que é?

Fernando: Hoje é aniversario dele, do Pedro. 18 anos.

Ricardo: 18 anos, nem parece com o índice de maldade dele.

Nando ficou triste.

Ricardo: Desculpe.

Fernando: tudo bem, eu sei, mas é que, era uma época tão maravilhosa, o aniversario de Pedro era tão bom, cheio de gente, ele sempre dava o primeiro pedaço do bolo para mim e o Theo, como tudo mudou em nossas vidas né?

Theo: mas é assim, tudo muda Nando

Ricardo: verdade, tudo muda, fico pensando, tudo é um mistério, será que eu iria ter conhecido vocês se tudo não fosse assim? Estaríamos aqui agora, sentados?

Theo:verdade, no fim das contas, tudo caminha para um lugar só. Um ponto em comum, onde todos se encontram, se esbarram na rua.

Fernando continuou a olhar para o mar.

RESIDENCIA DE PEDRO

Pedro voltou-se a deitar na cama, estava triste, não receberá um feliz aniversario nem um presente. Somente das domesticas da casa, sua mãe estava no hospital ainda, não tinha como. Pedro se deixou levar pelas lembranças

*** ( Parabéns pra você...)

Pedro: e o primeiro pedaço, vai para Nando e Theo.

Todos bateram palmas***

------------------

NOITE

------------------

RESIDENCIA FAMILIA BRATHO

Henrique havia saído para visitar alguns parente na cidade, Mauricio não estava se sentindo bem para acompanha-lo, e ficou em casa com Léo, que estava no quarto. Mauricio fazia o jantar. E foi chamar Leó, ao entrar o encontrou injetando algo no braço.

Mauricio: essa é a solução dos seus problemas?

Leó: o que esta fazendo aqui?

Respondeu com ignorância.

Mauricio: essa não é resposta Léo, vai por mim, quando encontrar alguém que ama saberá disso.

Léo: já amei alguém e  ela esta morta num acidente de avião, sai daqui. Meu irmão é gay, Meu melhor amigo... ex amigo é Gay, o mundo todo é gay.

Laó empurrou Mauricio para fora do quarto, e bateu a porta, vendo tudo rodar, e as paredes se fechar, se jogou na cama.

RESIDENCIA FAMILIA ROCHA

Pedro estava arrumando a festa de aniversario com Fernando e Theo, ajeitando as bolas, os doces, o bolo, quando tocaram na campanhia, antes de atender deu um beijaço em Fernando

Pedro: vocês viheram, Ricky, Amanda, André.

André: acha que perderíamos a sua festa?

Pedro: e não podiam perde-lá mesmo. Cadê o Breno, Amanda?

Amanda: eles estao vindo, trazendo seu presente.

Pedro: cadê a mãe de vocês?

Ricardo: Não pode vir, esta com o papai.

Pedro: e a Tonia? Cadê ela?

Ricardo: quem é Tonia?

Pedro: sua namorada.

Ricardo: ah sim, eu nunca a conheci Pedro, tudo mudou, esta diferente não vê? Você ta com a festa cheia de gente, o Nando e o Theo estão te ajudando, a Amanda e o Breno estão vivos, nós estamos aqui, aqueles que você mais odeia, simplesmente por que eu, Amanda e o André somos...

Pedro acordou, havia cochilado, pegou o porta-retrato que estava na cabeceira e jogou contra a parede, pegou um pedaço do vidro e cortou a mão o sangue pingando no chão.

Pedro: Que se dane todos eles, nenhum de vocês me mudaram, hahahahaha, sou mal, gosto de ser mal, ainda tenho muitas coisas para fazer.

Continua...


Leia também
"Minha humilde casinha" há 1 dia

Tenho na minha casa Quatro cadeiras e um colchão Uma mesa, e roupas pelo...
joaodasneves Poesias 15


Se Poema For Oração há 2 dias

Senhor, este poeta perdido vem Vos fazer um pedido: dai-me Vossa paz. ...
a_j_cardiais Poesias 54


"Bailei com a solidão" há 2 dias

"Bailei com a solidão" A beira do mar espero a Solidão E escuto ja o ...
joaodasneves Acrósticos 13


Perseverar Até o Fim – Parte 1 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 14


Perseverar Até o Fim – Parte 2 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 10


Separação há 2 dias

Pensei que separação fosse fácil... Que fosse só deixar seu amor, e ...
a_j_cardiais Poesias 51