Parte 1:

------------------

DIA – 31 DE DEZEMBRO DE 2011

--------------------

Clarisse estava sentada no sofá esperando Augusto e Rafael acordarem, quando acordaram desceram para sala e encontraram a tia.

Augusto: bom dia tia

Clarisse: bom dia, sente-se, quero falar com vocês.

Rafael: o que houve? Alguma coisa com Davi?

Clarisse: sim, não quero que ele more com vocês

Augusto: por que? O que houve?

Clarisse: eu vi vocês dois se beijando ontem, vocês são gays, e querem recrutar o Davi. Primeiro leva ele na casa daqueles seus amigos, e agora Augusto você traz o seu Macho para dentro de casa.

Augusto: como é?

Augusto olhou para Clarisse e Rafael tentou acalmar o namorado

HOSPITAL PISIQUIATRICO

Igor estava com a mala na porta do centro, esperando Lucio. Lucio chegou de carro e estacionou.

Lucio: então, esta livre né? Que maravilha hein.

Igor: muito, me sinto tão novo, e espero viver essa nova vida normal.

Lucio: assim que se fala, vem, entra no carro, vamos pro meu hotel.

Igor entrou no carro de Lucio e partiram.

RESIDENCIA DE AUGUSTO E RAFAEL

Clarisse: isso mesmo que você ouviu, vocês querem recrutar o Davi.

Augusto: Para mim já chega, eu nem te conheço, nem sabia da sua existência e agora você nem sabia da morte de seu irmão, agora você quer chegar aqui e botar ordem de envagelica abestalhada. Saia dessa casa agora, sou de maior e responsável pelo Davi e isso nunca o afetou, desde quando chegou aqui só sabe comer e falar, chega, pegue suas coisas e sai dessa casa imediatamente, aproveite que é fim de ano e some daqui.

Clarisse: mas mas...

A mulher gorda ficou entalada com a própria voz.

Augusto: nada de mais sua baleia, saia dessa casa agora. Aproveite que suas malas estão arrumadas e xispa.

Rafael não queria se meter na historiá, mas estava adorando. Augusto pegou as coisas da tia, a jogou na rua e bateu a porta.

Rafael: o que foi isso?

Augusto: não quero levar nenhum problema para 2012.

Beijou Rafael.

-----------------------

Poucas horas depois, Augusto, Rafael e Davi chegaram na praia para a virada de ano. Estavam todos se acomodando.

Ricardo chegou observando Tonia e Plínio curtindo o namoro, tonia toda hora olhava para Ricardo, Plínio percebia, mais fazia de conta que não estava a ver nada.

Plínio: Amor, vamos ficar no mesmo quarto né?

Tonia: é sim.

Ricardo passou ouvindo a conversa e ficou meio triste, Fernando percebeu a tristeza do amigo, mas foi par ao quarto junto com Guilherme, se deitaram na cama cansado.

Fernando: nossa, essa viajem cansou.

Guilherme: verdade, me lembrei do Bruno, ele disse que viagem só faz cansar.

Fernando se incomodou com o assunto novamente, mas resolveu não se manifestar.

Fernando; vou descer, ver se estão precisando de alguma ajuda la.

Fernando desceu e foi ajudar Theo e Matt a se acomodar.

Rafael chamou Igor e Lucio de ultima hora, e foi conversar com os dois.

Rafael: err oiii

Igor: oi

Igor falou timidamente.

Igor: Rafa, desculpa mesmo por tudo que fiz você passar, aqui na ilha mesmo.

Rafael: tudo bem, vamos deixar tudo aqui na virada do ano.

Lucio: é, temos que nos livrar de todo o mal de 2011, ficar só com as lembranças boas.

Igor sorriu junto a Lucio.

PRISÃO

Enquanto isso na prisão, a manifestação de Pedro estava caminhando bem como ele planejava. Mas a policia havia descoberto o plano de revolução, e convocou todos os presos.

Delegado: fiquem sabendo, que a policia já sabe da revolução de vocês, brancos contra negros. Vocês são mesmo muitos burros, um bando de bichinhas burras. Quero saber quem é o arquiteto por trás de toda essa guerra.

Quebra cabeça olhou disfarçadamente para Pedro.

Delegado: vamos la, ou vão ficar três dias sem comer todo mundo.

Os prisioneiros se manifestaram, Pedro deu um passo frente.

Pedro: fui eu.

O delegado deu a ordem para pegarem Pedro e o retirou do salão.

Pedro: o que vai acontecer comigo?

Delegado: 8 meses na solitária

Pedro: o que? 8 meses?

Pedro tentava se soltar e foi jogado na solitária, ficou trancado num quarto de luz vermelha. Pedro deu um sorriso.

Pedro: Plano de fuga, fase 1: Concluída.

Parte 2:

RESIDENCIA FAMILIA FERNADNES

Cecília havia chamado Gustavo para passar o ano novo com eles, afim de se reconciliar com Felipe, Gustavo aceitou e chegou na casa. Edgar se comportou estranhamente.

Felipe: oi

Gustavo: oi... oi Edgar.

Edgar: oi.

O clima estava realmente tenso.

Felipe: é, mas um ano chega ao fim, tantas coisas boas e ruins aconteceram nesse ano.

Edgar: verdade. Tantas quedas e micos também.

Felipe riu do comentário de Edgar, Gustavo se manteve serio.

Felipe: Gustavo, eu quero falar com você.

Felipe chamou Gustavo para o quarto, Edgar ficou meio triste.

Felipe: então, como nós estamos?

Gustavo: como assim?

Felipe: estamos namorando,ou não estamos?

Gustavo: sinceramente, eu não sei. O que você acha?

Felipe: parece que demos um tempo sem ninguém precisar pedir.

Gustavo se aproximou de Felipe e deu um beijo. Felipe sorriu e retribuiu, depois saiu do quarto. Gustavo chorou, não era mais o mesmo beijo de antes, algo havia mudado.

PRAIA

Blenda estava sentada na areia observando o mar e pensando no que faria, Carol se aproximou e a beijou, sentou ao lado.

Carol: pensando em que?

Blenda: sobre o bebe, o que realmente quero fazer.

Carol: Saiba que se aceitar ter-lo, seremos ótimas mães, amor, seremos uma família.

Blenda: mas e o pesadelo de ter vivido tudo isso?

Carol: o riso dela apagara.

Blenda deu um sorriso e se encostou no ombro de Carol.

Blenda: o que será que 2012 nos reserva?

Carol: espero que coisas boas, ate o dia 21 de dezembro.

Blenda deu risada e beijou carol.

Na casa, Ricardo e Fernando estavam conversando no quarto.

Fernando: tenho certeza Ricardo, Tonia não para de olhar para você, ela não ama Plínio, é você que ela ama. Não deixe isso passar Ricardo, por favor.

Ricardo: será que eu deveria fazer mesmo isso?

Fernando: é nela que esta a sua felicidade, você estaria sendo muito burro deixando ela passar.

Ricardo: e você e o Guilherme?

Fernando: ele falou do Bruno hoje novamente, acho que precisarei mesmo falar com ele sobre esse assunto.

Ricardo: Verdade.

----------------------

NOITE

----------------------

Eram 23:00 hs da noite, faltavam uma hora para o fim do ano. Estavam todos na beira da fogueira na praia. Havia mais gente na praia também, bem poucas, a casa deles ficava meio afastado da praça.

Theo: é, 2012 esta vindo ai, o mundo vai acabar gente, já pararam para pensar?

Todos riram e Matt calou a boca do namorado com um beijo.

Miguel: gente, eu queria aproveitar a hora que resta para nos lembrarmos de tudo que passamos esse ano. Esse ano fui um idiota.

" Miguel se lembrou das besteiras que fez com Gabriel, Rafael e Igor.

Miguel:Perdi meu amor

" Miguel se lembrou do ódio que Gabriel sentia por ele"

Miguel: lutei por ele

" Miguel se lembrou das vezes que correu ates de Gabriel e de ter contado a verdade a rafa"

Miguel: vivi dificuldades

" Miguel se lembra de ter ficado paraplégico e o quanto sofreu por estar longe de Gabriel

Miguel: e agora vou me casar.

" Miguel se lembra do pedido de casamento e que Gabriel aceitou"

Miguel olhou para Gabriel sorrindo e beijou o namorado.

Rafael: Esse ano fiquei em coma

" Rafael se lembra de quando mexeu o dedo mas não podia abrir os olhos"

Rafael:perdi amigos e os recuperei.

" Rafael lembra de quando soube a verdade do acidente e ter odiado seus amigos, mas depois os perdoou."

Rafael: fiquei em perigo mas perdoei

" Rafael se lembra do acidente e de Igor o mantendo prisoneiro e o barco explodindo e lembra de perdoar Igor"

Rafael: Realizei um sonho e constituir uma família.

" Rafael lembra a inauguração do centro de Apoio e de montar a arvore de Natal com Augusto e Davi"

Guilherme: Esse ano vivi momentos espetaculares

' Guilherme se lembra dos momentos que passou com Bruno na fazendo, o passeio de cavalo, o jantar"

Guilherme: sentir a terrível dor da perda e luto pela superação

" Guilherme lembra da morte de Bruno e todo seu sofrimento ate Fernando"

Fernando: Esse ano vivi perigos intensos.

" Fernando se lembra de Pedro o estrupando, jogando o carro contra o rio "

Fernando: Tive herois

" Fernando lembra de como conheçeu Ricardo e Tonia, o que fizeram por ele"

Fernando: Me vinguei

" Fernando lembra de ter cortado a maõ de Pedro, de ter assistido ele ser preso, de ter fingido estar apaixonado por ele para conseguir a midia"

Fernando: me apaixonei

" Fernando se lembra de Maicon e tudo que passou com ele"

Fernando: me iludir

' Fernando falou lembrando da conversa com Ricardo sobre Guilherme"

Carol: Esse ano perdi pessoas para morte e para as drogas

" Carol lembra de Marilia e Léo"

Carol: Me apaixonei

" Carol lembra de Deise'

carol: e me apaixonei novamente

" Carol lembra de de Blenda e a beija"

Theo: esse ano quase morri

" Theo se lembra do carro no rio"

Theo: quase morri de novo

" Theo se lembra do ataque de léo"

Theo:e quase morri mais uma vez

" Theo se lembra da bote pegando fogo"

Theo: realizei um sonho

" Theo se lembra de cantar Libertad na boate"

Theo: e encontrei o amor

" Theo se lembra de conhecer Matt"

Ricardo: Esse ano conheci novas pessoas

" Ricardo lembra de como conheçeu cada um"

Ricardo: vivi intensos perigos

" Ricardo lembra quando Léo atacou ele e Marilia, Quando esteve na casa de Pedro para prende-lo, quando foi atropelado por Robson"

Ricardo: Conheci minha família.

" Ricardo lembra de descobrir que é irmão de Pedro e primo de Fernando, da volta de Sergio"

Ricardo: Me revoltei

" Ricardo lembra da festa de aniversario"

Ricardo: Perdi gente que eu amo

" Ricardo lembra de Amanda, Marilia, Sergio."

Ricardo: e me apaixonei.

Ricardo olha para Tonia

Tonia: esse ano sofri e fugi.

" Tonia lembra de São Paulo"

Tonia: Magoei a pessoa que eu amo

" tonia lembra de quando falou de Plinio para Ricardo"

Tonia: fiquei dividida

" Tonia lembra da decisão entre Plinio e Ricardo"

Tonia: fiquei presa

" Tonia lembra da bomba relógio no barco"

Tonia: fiz uma escolha.

" Tonia lembra que escolheu Ricardo"

Todos ficaram refletindo sobre o que o outro falou, mas não era somente eles que estavam fazendo esse ritual.

PRISÃO

Pedro estava na solitária, ouve aos poucos fogos de artificio que soltavam antes da hora. Pedro lembrou-se de todos, de cada um que ele matou, de cada crime que cometeu ate chegar na prisão. o mesmo fazia Léo e Maicon. Pedro pensou em tudo que faria daqui para frente.

Pedro: O fim esta próximo.

Parte 3:

RESIDENCIA FAMILIA FERNANDS

Faltavam agora 10 minutos para o ano novo. Felipe, Gustavo e Edgar estavam na porta da casa.

Felipe: Sabe, esse ano tive medo, passei por varias situações.

Edgar: uma delas foi bom por que te conheci.

Felipe sorriu.

Felipe: Me assumir para minha mãe, para todos e me iludir.

Gustavo: Felipe, eu preciso te contar. eu e o Nicolas nos beijamos hoje, não é justo continuarmos um a prender o outro.

Felipe; você... você o que?

Felipe começou a chorar e Gustavo também.

Felipe: vai embora Gustavo. por favor SAI DAQUIIIIIIIII.

Gustavo: me perdoa, mas nosso amor acabou a muito tempo.

Gustavo saiu andando. Edgar abraçou Felipe.

PRAIA

Faltavam 8 minutos, todos estavam na beira do mar agora, conversando e aguardando a queima de fogos.

Plinio: tonia, eu vi o dia inteiro os olhares entre você e Ricardo, eu sabia que vocês dois ainda se amam, achei que eu poderia suportar isso, mas não da, eu estou liberando você para ficar com ele.

Tonia: Plinio, eu...

Plinio: não precisa falar nada. viva sua vida.

Plinio deixou uma lagrima descer, reconhecendo que Tonia faria parte de seu passado.

No outro canto Guilherme estava conversando com Fernando.

Guilherme: por que você disse que foi iludido la na fogueira?

Fernando: Guilherme eu vou ser sincero com você, vamos dar um tempo, você ainda não esqueceu o Bruno, ainda não esta pronto para amar outra pessoa, não se preocupe eu vou te esperar o tempo que for preciso, descubra o que você quer.

Guilherme abaixou a cabeça e não falou nada.

RESIDENCIA FAMILIA FERNANDS

Era 00:00 Os fogos começaram a tocar, em lindas cores e formas, Felipe ainda chorava aos braços de Edgar.

Edgar; Lipe, é ano novo, vida nova. não chore, viva um nova vida.

Edgar pegou Felipe em seus braços e o beijou profundamente.

Edgar: foi por você, foi por você que eu e a Cintia terminamos.

Felipe nada disse, somente retribuiu o beijo de Edgar.

No caminho Gustavo parou para ver o ceu colorido, pegou seu celular.

Gustavo: Nícolas, sou eu. onde você esta? eu aceito, eu aceito curtir a vida com você.

PRAIA

Os fogos começaram a tocar. Lucio olhou para Igor.

Igor: Lucio, quero te falar um coisa.

Lucio: o que?

Igor: esse tempo que fiquei com você, acabei me apaixonando. Quando você encontrar alguém que sabe o que você passou, um dia estará dizendo o que eu estou a te dizer agora: Eu te Amo.

Lucio: eu encontrei, e esta na minha frente.

Lucio beijou Igor. Os fogos tocavam

Rafael carregou Augusto no colo, Miguel carregou Gabriel, Matt carregou theo e Carol carregou Blenda e correram para o mar, e se jogaram com roupa e tudo dando intensas risadas, Plinio, Fernando e Guilherme se jogaram também.

Ricardo olhou para Tonia. Tonia olhou para Ricardo, e juntos os dois olharam para o céu, vendo os fogos e a estrela deles dois.

Ricardo: tonia, não da mais para segurar, eu te amo, quero ficar com você, vamos recomeçar tudo do zero meu amor. vamos refazer nossa historia.

Tonia sorriu e correu ate Ricardo e ambos deram uma beijo de cinema. os outros todos gritaram e começaram a jogar aguá em cima dos dois, os fogos iluminava uma nova historia. Por enquanto, a paz reinava na vida de todos.

Continua...