Filipe a noite passeando, passa perto do cemitério de sua cidade. Olha para dentro e ver algo estranho, ver uma menina bonita com os olhares perdidos nos horizontes apontando com sua mão direita para cima e para baixo.
Quando ver ela não se assusta, antes pensa que não passava de uma louca aquela menina. Filipe vive como de costume, em sua vida divertida: bebida, orgias, baladas, festas, etc. O tempo passa e nada dele mudar. Antes muda para pior: Era uma pessoa rebelde, infiel, desobediente aos seus pais, etc.
Um dia estando no carnaval que houve em sua cidade, leva um tiro na cabeça e morre. Filipe acorda e ver aquelas pessoas de sua cidade que já haviam morrido. Fica com medo. Mais caminha até um velho conhecido seu e pergunta o que estava acontecendo. Essa mesma responde que um anjo decide o destino da pessoa, se é o céu ou se é o inferno. Explica para Filipe que em cima fica o céu e que embaixo fica o inferno.
Querendo ver o anjo passa sem pedir licença por aquelas pessoas, ou melhor dizer: almas. Alcançando seu objetivo de ver o anjo, se assusta muito, pois ver aquela menina que anos atrás viu no cemitério. Repara bem ao redor e percebe que o local onde se encontrava era justamente o cemitério de sua cidade. A menina olha para um que estava do seu lado e aponta para cima, olha para ele e aponta para baixo.