Para você que eu escrevo, por você que escrevo.
Só você sabe como me sinto, só você sabe como nós nos sentimos enquanto estamos juntos.
Tão longe de mim, só me observando.
Por que sem luzes? Sem fogo? Sem sinal?
Um novo mundo para recomeçar, para brilhar.
Tudo caiu tudo está sendo levado.
Contenha isso.
Uma nova vida.
Uma nova base.
É por isso que eu leio, lá encontro outro mundo, algo novo.
Uma dança nova, com muitos convidados, nenhum fora da festa, todos dançando em ritmos diferentes do meu.
Só queria dançar com você.
Abraçar você e dizer-te amo.
Uma única última dança de prova e esperança.