Lá estava eu como de costume, esperando o ônibus das 6.
Avisto ele ao longe, o que é um alivio pra mim , depois de um dia todo na
escola, depois curso, agora eu só desejo ir para casa.
O ônibus chega, para e eu entro. Dou graças a Deus por não estar muito cheio
hoje. Como de costume me sento na quinta poltrona do lado direito, deito o
banco para ficar mai confortável e agora é só esperar ...
O ônibus sai e logo adiante para, para alguém entrar. De início não dou muita
atenção e continuo a mexer no meu celular, percebo que vem alguém no corredor ,
levanto os olhos e vejo um menino lindo, que aparentava ter seus 17 anos,
fiquei hipnotizada com tamanha beleza. Ele se sentou na poltrona ao lado da
minha e eu ficava o observando pelo canto dos olhos, perdida em meus
pensamentos.
Pensei , se ele pegava todos os dias aquele ônibus e eu não tinha notado, o que
era muito difícil porque ele era muito lindo, ou se aquela era a primeira vez,
não sei porque mas desejei muito que fosse a primeira opção. Continuei olhando
para ele ... e como seu sorriso era lindo !
Avisto de longe o ponto que iria desce, mas como eu desejava ficar mais, queria
conhecer aquele lindo desconhecido que roubara meu coração por alguns breves
minutos.
O Ônibus parou, me levantei em direção a saída com o coração partido em deixar
meu grande amor de 5 minutos, e imaginando se eu iria vê-lo novamente.
E hoje, todo dia pego o mesmo ônibus e sento sempre na mesma poltrona, sempre
na intenção de vê-lo novamente.