Estou aqui sentada tentando explicar o que é o amor , para esta mulher que só me  olha com um julgamento no olhar.


Como começar a descrever o meu amor por ele e por ela e por aquele.



Consegue entender o que é meu sentimento, não é somente estar ali, de mãos dadas com eles, é o mais lindo e puro sentimento.



Consegue entender que o amava antes de tudo, e quando vi que ele a amava que era um amor tão forte quanto o meu por ele, consegue entender que sua barba me deixa maluca e quando o vejo acariciando o rosto dela me deixa ainda mais louca por seu amor, quando ele acaricia meu
rosto fico tonta de ver o olhar dela de aprovação em nosso sentimento, é o mesmo nível é a mesma vontade de estarmos juntos.



Quando aquele apareceu, já os amava, e ele vem chegando e me apaixonei por aquele também, seu toque, seu amor por mim era tão intenso quanto o amor que já tínhamos entre os outros, éramos
somente três amantes, agora nos tornamos quatro, com o mesmo amor.



Amor, sim já o amava antes, imagina como me deixa louca vê-lo com o cigarro no canto da boca, e sua cara de pidão quando quer um beijo, o engraçado que sua cara é por duas, ele nos ama e nos o amamos.



Quando aquele chegou o amor era lindo entre os três  e lá veio ele com  seu toque sensível, sua voz aveludada e nos conquistou. Ficamos os quatro.



Por várias vezes fomos julgados quando andávamos nos quarto de mãos dadas ou quando trocávamos beijos e olhares. Por diversas vezes nos falaram você esta sendo traída, seu namorado
esta beijando sua amiga e quando contava que éramos todos namorados nos chamavam de loucos.



Não preciso de seu julgamento, preciso do amor do próximo.



Mesmo que eles não quisessem ficar comigo,se não tivéssemos um amor ainda sim o amaria, por diversas noites e dias, somente olhando pela janela eles passarem, amor é amor, podendo ser platônico ou não é amor...



Não peço que entendam, peço que me respeitem, pois os amo... e muito.