A Honra dos Fracos

21 de Maio de 2014 Ricky Araújo Contos 918

Um justo que alivia o peso dos que carregam fardos...

Fadados todos, a terra igualmente.

Uma luta incontestável para lançar um feitiço, sobre o seu destino...

Como uma sombra se erguendo do chão.

Neste mundo sem cor o futuro foi consumido por desgraça, desordem e desespero.

Se minha razão de existir esta aqui, deixarei de ser dependente e esperançoso.

Mesmo se eu abaixar a cabeça e fechar meus olhos...

As presas famintas por dor nunca desaparecerão.

Este mundo esta preste a cair em ruínas.

Os outros, com maldição que se contorcem e rastejam por todo o lugar.

Vão continuar lutando, não sabendo o motivo...

Com o medo, dor e lágrimas eu me mantenho firme.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
"Feliz...dia...de...São João" ... há 1 hora

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 4


No Vento da Literatura há 2 horas

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 27


Bendito Amor Eterno há 22 horas

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 11


"Vendo" há 1 dia

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 7


"Te amo vinho tinto" há 1 dia

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 9


Gradeados há 1 dia

O céu está logo ali, depois dessa janela enjaulada... Meu amor é qua...
a_j_cardiais Poesias 60