Parte 1:

O beijo continuou uns segundos ate que Ricardo empurra gabriela

Ricardo:Você não devia ter feito isso.

Gabriela:eu me apaixonei por você Ricardo, sabe eu namorava com um cara há alguns meses, mas ele me magoou, me fez sofrer, e ao te ver naquele dia no banco eu sentir nos seus olhos que você poderia me fazer feliz.

Ricardo ouvia tudo quieto, Gabriela estava nervosa.

Ricardo: sai, por favor.

Gabriela abaixou a cabeça e saiu.

RESIDENCIA DE DEISE

Deise estava sentada à mesa com os papeis da escola, quando alguém bateu na porta, ela atendeu e para sua surpresa era Carol

Deise: carol?

Carol: desculpe por hoje de manha, mas é que eu quero te proteger, você é minha professora se descobrem pode acontecer muitas coisas ruins na sua vida.

Deise: uma vez me apaixonei por uma aluna, e não quis nada com ela por esse mesmo medo que você tem por mim, mais eu fui infeliz Carol, me afastei da escola para nunca mais vê-la.

Carol: mas...

Deise se aproximou de Carol e colocou um dedo na boca da menina, e em seguida a beijou.

Carol: o que você quer comigo?

Deise: quero namorar com você.

Deise continuou a beijar Carol, retiraram as roupas e foram para cama.

RESIDENCIA DE MIGUEL

Miguel estava preparando um lanche quando o celular tocou.

Miguel: oi Igor, o que houve?

Igor: você não sabe o que aconteceu.

Miguel: o que?

Igor:o Gabriel estava aqui, contou a verdade sobre vocês dois, e parece que ele ta gostando de um tal de marcos.

Miguel se deixou cair no chão.

Miguel: por favor, me diz que é brincadeira.

Igor: acho que você realmente esta perdendo o Gabriel.

Miguel desligou o celular e chorou com a mão no coração.

Miguel: não, por favor Gabi, meu amor, não faz isso comigo, por favor.

RESIDENCIA FAMILIA MATARAZZO

Ricardo estava deitado na cama, com o dedo acariciando os lábios e pensando em tonia e em Gabriela.

*** Ricardo esta no hospital com tonia, e os dois se beijam loucamente, apaixonadamente***

*** Gabriela: Ricardo eu sou gay, me apaixonei por você, e queria saber se você também é, me desculpe pelo que vou fazer agora, mas eu preciso.

Gabriel segurou Ricardo forte e o beijou. ***

*** Gabriela:eu me apaixonei por você Ricardo, sabe eu namorava com um cara há alguns meses, mas ele me magoou, me fez sofrer, e ao te ver naquele dia no banco eu sentir nos seus olhos que você poderia me fazer feliz.***

Ricardo: o que eu faço?

GOIAS

Guilherme e Bruno estavam no quarto, Bruno estava ainda muito triste.

Bruno: amor, daqui a uma semana nós partiremos e quando nos unirmos mais uma vez, vamos gritar para o mundo inteiro o que somos, gritar o quanto nos amamos, sem se importar com ninguém.

Guilherme: que bom que eu tenho você, você me da coragem para tudo, sem você eu nunca iria me abrir para ninguém, estaria infeliz.

Bruno: mas tem a mim, vem deita aqui.

Bruno deitou e Guilherme apoiou a cabeça no peito de Bruno, se beijavam, depois Bruno começou a fazer carinho na cabeça de Guilherme.

Bruno: eu te amo

Guilherme: eu te amo

RESIDENÇIA FAMILIA MATARAZZO

Ricardo esta já preparando a casa para a chegada de Carol e Tonia para organizarem o trabalho sobre Homossexualidade, para a apresentação no próximo dia. Ricardo arrumava as coisas pensando no beijo de Gabriela. Bateram na porta.

Ricardo: espero que seja Carol primeiro.

Ele abriu e era tonia.

Ricardo: ah oi

Tonia: oi

Ficaram em silencio. Ate que tonia quebrou.

Tonia: Por favor para com isso, eu me apaixonei por você de verdade, não vou mentir ainda sinto algo pelo Plínio, mas você que esta aqui, você que eu estou mais apaixonada, é você que eu quero agora, por favor, estou disposto a fazer qualquer coisa por você.

Ricardo: sinto muito, não da mais.

Parte 2:

O clima foi cortado pela chegada de Carol.

Carol: vamos trabalhar...

O clima entre Tonia e Ricardo estava bem perceptível.

---------------

O Dia e a hora da apresentação havia chegado, estavam já prontos para falar.

---------------

ESCOLA VIVENDO E APREEDENDO

O grupo já estava para apresentar.

Ricardo: Bom dia, iremos falar sobre a homossexualidade atrás dos tempos.

Ricardo: A união estável entre pessoas do mesmo sexo, pode parecer algo recente, moderno. Apenas em 1989, a Dinamarca abraçou a causa – tornando-se o primeiro Pais a fazer isso. Essa marcha, porem, não tem nada de nova. Sua historia retoma um tempo em que não havia necessidade de distinguir um relacionamento de pessoas do mesmo sexo, para os povos antigos o conceito de homossexualidade não existia.Os melanésios acreditavam que o conhecimento sagrado so poderia ser transmitido por meio do coito entre duplas do mesmo sexo. Na Grécia e na Roma da antiguidade, era absolutamente normal um homem mais velho ter relações com um homem mais jovem. O filosofo grego Sócrates, adepto de amor homossexual, pregava que o coito anal era a melhor forma de inspiração– e o sexo heterossexual, por sua vez , servia apenas para procriar. Para a educação , esperava-se que os adolescentes aceitassem amizade e amor pelos homens mais velhos. Após os 12 anos, desde de que o garoto concordasse, transformava-se em um parceiro passivo ate os 18 anos, onde se tornaria ativo com a provação de sua família. Entre nos Romanos os ideais amorosos eram equivalente ao da Grécia.

Ricardo deu uma pausa para ver se tinham perguntas, ninguém perguntou estavam todos prestando atenção, então ele continuou.

Ricardo: Boa parte dos modos em que o povo da Antiguidade encaravam o amor entre pessoas do mesmo sexo pode ser explicada – ou, ao menos, entendida – se levarmos em conta a suas crenças. Na mitologia grega, romana, ou entre os deuses hindus e babilônios, por exemplo, a homossexualidade existia. Não é nada difícil perceber que, na Antiguidade, o sexo não tinha como objetivo exclusivo a procriação. Isso so começou a mudar, porem, com o advento do Cristianismo. Que é sobre o que Tonia ira falar.

Ricardo deu um passo atrás e Tonia tomou a voz.

Tonia: O judaísmo já pregava que as relações sexuais tinha como fim a única máxima exigida por Deus: “ crescei e Multiplicai-vos”. Ate o fim do século IV, Nessa época o imperador romano Constantino converteu-se a fé Cristã, e na seqüência, o cristianismo tornou-se obrigatório no maior império do mundo. Assim o homossexualismo passou a ser considerado antinatural. Data de 390.

O primeiro texto de lei proibindo a homossexualidade surgiu em 533, pelo imperador cristão Justiniano. Na qual se previa e pena de morte. Mais tarde, em 538 e 544, outra lei obrigavam os homossexuais a arrepender-se de seus pecados e cumprirem penitência.

Em meados dos século XIV, A igreja viu-se em crise. Os católicos assistiam horrorizados o nascimento do protestantismo de diversas épocas após a reforma de Lutero. E, com o humanismo renascentista, os valores clássicos, o gosto dos antigos pela forma masculina voltaram a tona. No curto intervalo entre 1347 e 1351 a peste negra assolou a Europa, como ninguém sabia a causa da doença voltou-se o costume. O “ pecado” em que viviam os homens passou a ser apontado como a causa. Judeus, Hereges e Sodomitas tornaram-se as causas assim sendo julgados. Por volta de 1432 e 1502, mais de 17 mil foram incriminados e 3 mil foram mandados a fogueira por sodomia. As penas como enforcamento e fogueira duram ate 1861, onde o pais aboliu a pena de morte por 10 anos de trabalho forçados.

Tonia voltou-se ao lugar dando a palavra a Carol.

Carol: irei falar sobre grandes personagens da historia.

Alexandre, o Grande: O conquistador Alexandre, o Grande, também foi conquistado. Seu amante era Hefastião, seu braço direito e ocupante de um importante posto no exercito. Quando ele morreu de febre, Alexandre caiu em desespero: ficou sem comer e beber por vários dias. Mandou proporcionar um a seu amado um majestoso funeral: os preparativos foram tão grandes que so podê ser realizada 6 meses depois da morte.

Julio César: Julio césar aos 19 anos teve um relacionamento com o Rei Nicomendes – César era o passivo

Carol encerrou esse assunto e continuou.

Carol: irei falar agora sobre Lesbianismo. O historiador romano Plutarco dizia, no século I, que na cidade grega de Esparta todas as melhores mulheres amavam as garotas. Apesar disso a pouco registro sobre o Lesbianismo ate pelo menos o século XVIII. Os termos “ Lesbianismo” e “ lésbica” tem origem na ilha de Lesbos. No mar Egeu, local de nascimento da poetisa Safo. Embora os livros de Safo tenham sido queimados por ordens de Gregório de Nazianzus, bispo de Constantinopla, cerca de 200 fraguimentos sobreviveram ao cristianismo. Os poemas revelam uma paixão exuberante ao amor feminino.

Encerram a apresentação.

----------------

A tarde chegou

----------------

RESIDENCIA DE MIGUEL

Miguel estava com os olhos inchados de tanto chorar, olhava sempre a foto dele mais Gabriel

Miguel: vou te reconquistar meu amor, minha vida é você.

RESIDENCIA DE TONiA

Tonia estava deitada na sua cama.

Tonia: Ricky, eu sinto muito.

RESIDENCIA DE GABRIELA

Gabriela deitada no sofá, relembrando o beijo de Ricardo.

Gabriela: Ricardo estou mesmo me apaixonando por voce.

RESIDENÇIA DE RICARDO

Ricardo estava na cama, sua mente ia ate Tonia, todos os momentos que passaram e iam em Gabriela todos os momentos que poderiam passar.

Ricardo: o que eu faço?

----------------------

1 semana depois

------------------------

Ricardo estava sentado na cama escrevendo no diário.

“ Diário, a Gabriela é muito legal, ontem fomos ao cinema assistimos um filme de comedia romântica muito bom, o Maicon, o Fernando e o Theo estão super amigos, Carol e a professora Deise estão namorando. A tonia bem, da para ver que esta triste, mas não sei se devo voltar, as vezes penso, mas ai lembro do quanto fico bem ao lado de Gabriela, não sei com quem ficar”

BOCA DE MATOQUENTE

Leo acabou de saltar no local e entrou na boca. Breno o estava seguindo a uma semana a mando de Pedro, e finalmente achou o local.

Breno: Pronto, Pedro vai ficar satisfeito.

GOIAS

Guilherme e Bruno estavam sozinhos dentro de casa, já iriam viajar, Guilherme voltaria para Bahia e Bruno iria para Belo horizonte.

Guilherme: vou sentir saudades meu amor, volta logo, promete para mim.

Bruno: prometo, Luke estou feliz que você tenha vindo, eu queria te levar comigo, mas é melhor você voltar e ir preparando seus pais.

Buzinaram no lado de fora.

Bruno e Guilherme se abraçaram e se beijaram. Iam saindo, Guilherme parou Bruno e deu mais um abraço, bastante apertado os dois choram e se beijaram novamente, em um abraço que ambos nunca deram na vida.

Bruno: eu te amo

Guilherme: eu te amo.

Saíram da casa e entram no carro, os carros seguiram caminhos opostos, Guilherme e Bruno se viraram para se verem no vidro traseiro do carro, ambos davam tchau, ate que os carros dobram a esquina. Guilherme sentiu uma dor no coração.

----------------

Noite

------------------

RESIDENCIA DE DEISE

Carol chegou na casa de Deise e se beijaram.

Deise: que bom que você veio, seus pais deixaram né?

Carol: sim, sim, vamos deitar.

Deise: hoje você vai ser a melhor noite da sua vida. Te amo

Carol: te amo

RESIDENÇIA DE GUILHERME

Já eram umas 23:00hs. Guilherme estava esperando seus pais irem dormir e ligou para Bruno

Guilherme: meu amor, eu já estou com saudades.

Bruno: eu também, estão dormindo aqui todo mundo, eu estou dirigindo agora.

Guilherme: estão perto de chegar?-ficou preocupado.

Bruno: mais ou menos, owww, meu bebe fica assim não,sou um ótimo motorista.

Guilherme: que zuada é essa?

Bruno: é a chuva, ta muito forte aqui. Vou ter que desligar esta bem, é arriscado, mais tarde eu ligo, fica acordado, esta bem?

Guilherme: ok

Bruno desligou o celular e continuou a dirigir, a chuva estava forte e estava escuro, a lanterna do carro havia desligado, Bruno tentava ligar, mas não conseguia. Olhou para trás para tenta acordar o tio, quando o pneu do carro passou por um buraco e o carro girou. Todos acordaram, Bruno tentou controlar o carro, mais um caminhão de gás vinha em sua direção e bateu no carro de Bruno que saiu da estrada capotando. O carro parou de girar, o caminhão do gás tinha perdido o controle da batida e vinha na direção, Bruno estava acordando tentou pegar o celular, não conseguiu pegar, mais discou para fazer ligar para o ultimo numero que estava: o de guilherme, o caminhão se aproximava rápido mas o celular estava demorando de ligar.

Bruno: Eu te amo luke

O carro do gás bateu, tudo e explodiu.

Continua...