Circo de Horror

08 de Junho de 2014 Elias Lima Contos 1500

Ela quer voar.
Por isso deixou que o ex-namorado tatuasse duas asas bem grandes em suas costas, antes dele traí-la com a sua mãe.
Ela quer se livrar.
De tudo que sentiu ao ser pisada, ignorada e humilhada.
Só quer sumir.
Desaparecer.
Mas para aonde?

Para qualquer lugar.
Não sendo este aqui, qualquer lugar poderá ser melhor. Ou até quem sabe, talvez ela encontre alguma vida por lá, ou se encontre.

Mas seus pés estão presos ao chão desigual dessa Terra. Seu all star, velho e desbotado já não agüenta mais dez passos. As poucas moedas que carrega no bolso de sua calça jeans emprestada também não permitem sua liberdade.

Então, de braços abertos e de olhos fechados ela se entrega.
Amanhã ela será apenas mais uma notícia sensacionalista nos jornais durante o dia inteiro. Mostrarão seu corpo quebrado, seu crânio partido e seu rosto ensangüentado e triste.
Tudo para a sociedade do espetáculo.
Tudo para esta vida que mais parece um circo de horror sagrado e devoto de todos os dias.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
CIDADE DOS PATOS (cordel infantil) há 5 horas

Vivia na bela cidade dos patos Um velho pato que contava fatos De uma fam...
madalao Infantil 5


"Feliz...dia...de...São João" ... há 12 horas

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 5


No Vento da Literatura há 13 horas

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 29


Bendito Amor Eterno há 1 dia

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 12


"Vendo" há 2 dias

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 7


"Te amo vinho tinto" há 2 dias

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 10