A história de um pasarinho chamado Twitter

16 de Julho de 2011 João Igor Cordel 1466

Dentre a tecnologia
surgiram as redes sociais
que comunicam todos nós
com recursos bem legais
facilitando desse jeito
as questões mais pessoais.

Twitter é um passarinho
que parece um azulão
é um pouquinho mais claro
papo grande e bicão
tem o canto limitado
e é a nova sensação.

Seu ninho é a internet
e se quiser visitar
coloque nome e email
clique pra se cadastrar
aceite a confirmação
e tá pronto pra usar.

Ele é muito querido
e tem por toda região
muita gente tem o seu
mas não tem problema não
quanto mais o povo cria
menos risco de extinção.

Tuiteiro é quem cuida
e por ele tem carinho
nem se acorda direito
dá bom dia ao bichinho
até quando vai dormir
leva ele pr’o seu ninho.

Quando bate a saudade
é muito fácil de matar
o Tuiteiro na internet
é só se conectar
pode ser por um ipad
ou até por celular.

Alguns deles cantam pouco
outros só cantam besteira
os cantadores de notícias
cantam a semana inteira
tem canto que é horrível
tem canto qu’é de primeira.

Até mesmo as empresas
tão criando esses danados
para ensinar a eles
a cantar comunicados
ou cantar os seus produtos
para todos os mercados.

Existem os seguidores
que leem o que você diz
você também pode seguir
mesmo sendo aprendiz
se for muito curioso
será o que sempre quis.

Você pode mencionar
só um ou vários contatos
basta usar o arroba
e depois contar os fatos
mas tenha muito cuidado
na consequência dos seus atos.

Também tem os Trend Topics
temas muito discutidos
geralmente alguns fatos
que foram repercutidos
ou que geraram polêmica
e ficaram conhecidos.

Sem falar nas hashtags
que são as palavras chaves
antecedidas por cerquilha
exemplo: #aeronaves
designam alguns eventos
pessoas, lugar ou aves.

Pois também criei o meu
dei a ele um codinome
é @joaoigornf
parecido com meu nome
você pode me seguir
pra saber mais sobre o “ôme”.

Portanto querida gente
o assunto tá encerrado
vou olhar o meu Twitter
pra ver se fui mencionado
ou para ficar por dentro
do assunto mais falado.

Se gostou fique a vontade
pra meu blog visitar
lá tem muita poesia
e não precisa pagar
o endereço tá em baixo
pra ninguém se complicar.

Termino agora o cordel
com muita satisfação
e já tenho a certeza
que a próxima edição
você vai ficar esperando
pra fazer uma coleção.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Minha humilde casinha" há 1 dia

Tenho na minha casa Quatro cadeiras e um colchão Uma mesa, e roupas pelo...
joaodasneves Poesias 15


Se Poema For Oração há 2 dias

Senhor, este poeta perdido vem Vos fazer um pedido: dai-me Vossa paz. ...
a_j_cardiais Poesias 54


"Bailei com a solidão" há 2 dias

"Bailei com a solidão" A beira do mar espero a Solidão E escuto ja o ...
joaodasneves Acrósticos 13


Perseverar Até o Fim – Parte 1 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 14


Perseverar Até o Fim – Parte 2 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 10


Separação há 2 dias

Pensei que separação fosse fácil... Que fosse só deixar seu amor, e ...
a_j_cardiais Poesias 51