Reflexo Hodierno

20 de Dezembro de 2013 Rafael Menali Críticas 716

publicado originalmente no Blog Essência //rafaelmenali.blogspot.com.br/

Sou um privilegiado.
No entanto, não dou nenhum valor a isto.
E faço deste privilégio uma inutilidade.
E desperdiço todas as oportunidades que me são dadas.
E fecho todas as portas que me são abertas.

Desperdicei todos os conselhos, dos sábios e dos loucos.
Não nasci em desgraça.
Não fui criado em ignorância.
Nunca fui obrigado a fazer o que não quis.

Quando pequeno tive o privilégio de ir à escola.
Ali aprendi a ler, escrever, interpretar e raciocinar.
Todavia, não acho nenhuma utilidade para isto.
Pois nisso tudo só vejo cansaço e perda de tempo.

Cresci e a vida sempre foi a meu favor.
Tenho uma ótima saúde, como bem, não passo apertos.
Tenho amigos, trabalho, mulher e religião.
Porém não consigo aproveitar as qualidades que estes podem proporcionar.

Simplesmente fecho os olhos e desprezo tudo e a todos.
Permaneço inerte, sem posições ou opiniões.
Não me intrometo em política, nem na vida alheia.
Não me preocupo com meus problemas, nem com os de ninguém.

Não tenho opiniões formadas
Desprezo quem as tem.
Não gosto de coisas erradas
Não gosto de ninguém.

Minha realidade subsiste.
A teimosia me persegue.
Às vezes tenho inveja, soberba e vaidades.
Não tenho, todavia, nenhuma ambição.

Tenho um corpo fisicamente perfeito.
Familiares sempre ao redor.
Casa, aposento e leito.
Pão, água e manjares.
Vestes, benefícios, égide e broquel.

Quem, pois, é mais infeliz que eu?
Quem, pois, desperdiça tanto a felicidade como eu?
Existe, por acaso, alguém com mais oportunidades?

Assim sou eu, típico cidadão brasileiro contemporâneo.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Lembra? há 2 dias

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 14


Principio há 2 dias

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 11


Viandar há 2 dias

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 10


Fluxo do tempo. há 2 dias

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 11


Sou há 2 dias

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 11


Ame...! há 2 dias

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 10