Eu sei.

Sabe quando a gente descobre que sabe tudo da pessoa? É quando você olha nos olhos dela e percebe o grito silencioso que diz “me abrace”. Ou quando ela fica chateada com você e te manda uma mensagem dizendo para você não ir vê-la, mas no fundo é te ver o que ela mais quer. É o momento em que você segura na mão dela e sente que os seus corações pulsam no mesmo ritmo. Ou quando ela se aconchega no seu peito e você sente aquela paz que não existe guerra capaz de fazer aquilo mudar.

Sabe quando você descobre que admira uma pessoa e a torna especial? Quando você para pra ouvir sobre o dia dela com todo entusiasmo do mundo, mesmo que nada de tão interessante assim tenha acontecido. Quando mesmo com cara de sono e vestindo um pijama juvenil, ela continua sexy. Ou quando ela está suada, descabelada e com olheiras, e mesmo assim você acha ela a mulher mais bonita do mundo. Quando mesmo depois de comer alho ou cebola, você ainda acha o beijo mais gostoso que você já provou.

Sabe quando você descobre que quer ficar com aquela pessoa durante toda a sua vida? É quando você quer proteger, cuidar e abraçar para que nada possa fazer mal. Quando você quer retirar a dor que ela sente e transferir para você. Quando você sofre tanto quanto, mas guarda a sua dor no bolso para que ela não possa sentir. Quando você sente medo de não conseguir ajudar a resolver os problemas sempre que eles aparecerem. Quando você chora em silêncio para não demonstrar o quão assustado você está.

Sabe quando você descobre que aquela pessoa te faz muito feliz? Quando as brigas bobas com as almofadas acontecem porque você disse que alguém que apareceu na TV era linda. Quando vocês trocam “carícias” como “Shrek”, “Fiona”, “Cavalo de fogo”,Idiota”. Ou quando acontece um carinho inesperado no pescoço enquanto você está prestando atenção ao filme. Ou aquele beijo quente na orelha quando tudo o que você queria era assistir ao jogo do seu time.

Sabe quando você percebe que está amando de verdade? Quando o braço dormente por causa da conchinha que vocês fazem ao dormir não incomoda tanto. Quando você aceita fazer programas de índio só pra ver ela sorrir. Quando você fica com as costas doendo de ficar todo torto no sofá para que ela fique na melhor posição possível. Quando você troca a marca do seu creme dental pela marca que ela usa, ou passa a usar um perfume que te deixa com dor de cabeça só porque ela adora te cheirar quando você usa ele.

Sabe quando você descobre que é diferente de tudo que você viveu, mas é ali que você quer estar? É quando ela fala das amigas e você se sente um peixe fora d’água por não saber o que dizer. Ou quando você deixa os filmes de guerra, máfia e ação de lado e já sabe o nome de todas as comédias românticas possíveis. Quando você decora as musicas daquele artista que você odeia, mas ela ama. Ou quando você deixa de comer seu hambúrguer hiper calórico, pra comer um sanduíche natural.

Sabe como é bom saber disso tudo? Pois é, eu sei.