Não faça nada obrigado. Não curta o bloco errado. Se você não gosta de carnaval, então não vá pular atrás do trio, só porque alguém disse que isto é que é viver. Viver é o que se faz com prazer. Se o seu prazer é ficar lendo, então leia. Não fique pensando que a vida está passando e você a está perdendo. Você está é ganhando, porque está fazendo o que gosta. Você está vivendo “a sua vida”, e não a dos outros. Se você gosta de samba, curta seu samba. Se você gosta de musica brega, curta sua musica brega. Não vá curtir rock, reggae, MPB e tal, porque alguém disse que o que você gosta não é musica boa, que é musica disso e daquilo. Se cada pessoa procurasse viver SUA VIDA e seus prazeres, respeitando o dos outros, talvez a NOSSA VIDA fosse melhor. Mas o que existe é isso: muita gente “patrulhando” e querendo impor o que é melhor, mais salutar, mais “inteligente”, mais prazeroso... Como EU sou uma pessoa totalmente eclética (graças a Deus), fico imune a esses patrulhamentos.

A.J. Cardiais