Você muda, as pessoas a sua volta mudam, suas amizades mudam, até o sentimento por sua vez muda. Tudo muda, apesar de querer tudo do mesmo jeito não adianta, as coisas sempre se transformam sejam elas para pior ou melhor, isso é fato. A mudança nem sempre é encarada com bons olhos, mas já parou para pensar que talvez aquela pessoa pode sim estar diferente, porém super feliz? É, precisamos começar a respeitar o próximo e suas “novas” vontades, mesmo não aprovando. Quando alguém que amamos muda então, fica bem mais complicado, pois amor é amor correto? E precisamos estar ao lado delas e tentar ao menos entender. Sim, sei que é difícil na prática, mas tente se colocar no lugar do outro. Será que eles aprovam também suas atitudes, suas mudanças?


Nada e ninguém vai ser sempre do mesmo modo. A vida é repleta de surpresas e armadilhas que nos deixam felizes, duras ou até frias. Até o sentir muda, hoje você tem uma paixãozinha, amanhã pode estar morrendo de amores ou vice-versa. Já passou pela experiência de estar em uma daquelas paixões avassaladoras e de um dia pro outro descobrir que não é nada daquilo? Pois é, as mudanças assustam, surpreendem.
Hoje tudo pode parecer perdido, sentir-se no fundo do poço, que nada mais tem solução. Mas conhece a mola, aquela mesmo que tem no fundo do tal poço? Então, é exatamente ela que vai lhe jogar de volta ao topo, portanto receba as mudanças como um aprendizado um ciclo, pois todo ciclo se fecha e sendo mal ou bem tudo muda.

Mude também a forma de encarar tudo isso.