Peça de marionetes

30 de Agosto de 2013 Trors Crônicas 1239

Não há idade pra morrer, somos apenas marionetes que a Morte brinca de ser autor de um teatro dramático. Está é a realidade que vejo. Basta você aceitar ou não, acolher ou não a Morte.
Muitas vezes não importa o cuidado, não importa se tem rugas ou não, quando a Morte vem carregando consigo tristeza, ressentimentos e lágrimas, ela apenas ri, não diz nada, acha engraçado deixar sua peça de marionetes mais dramática.
A vida é uma só, é curta demais. Tem pessoas que estão perdendo a vida tentando ganhar ela. A Morte vem para todos e não marca hora, quando é pra ser vai ser, ninguém foge ou engana a Morte, ninguém vive se a Morte quer leva-la consigo. Deter a Morte é como tentar pegar o ar com as mãos. A vida a cada segundo está escorregando cada vez mais entre nossos dedos.
Se você morresse daqui alguns minutos, não se arrependeria de algo que deixou de fazer? Um belo dia tudo acabara e o que você vai guardar? Nada.


Leia também
Santificação, um Trabalho Progressivo – Parte 2 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 8


Santificação, um Trabalho Progressivo – Parte 1 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 8


"Ultimo Poema" há 8 horas

Me cansei de viver esperando Vai ser o ultimo verso que te escrevo A ulti...
joaodasneves Poesias 6


ESTHER há 10 horas

ESTHER Não raro te surpreendo enternecida E me perco em teus olhos tã...
ricardoc Acrósticos 6


REFLEXÕES DO ANDARILHO. ESCOLA DA VIDA há 21 horas

Caminhar e pensar, pois enquanto caminhamos oxigenamos o nosso cérebro, qu...
paulocesar Acrósticos 8


Da Maior Importância há 1 dia

Não sei de muitas coisas que costumam dizer que é importante saber... ...
a_j_cardiais Poesias 32