Viver é preciso, mesmo quando não encontramos forças, mas…alguém tem a receita?

Queria encontrar hoje motivos (os mesmos que sempre me foram familiares por anos há fio).Eu que sempre fui dada a viver, mesmo na corda bamba da vida.Sorrir, sempre.Prosear com a esperança com os meus melhores versos…ahhh, esse era o meu hobby!

Eu sempre esperei algo, mesmo sem saber o quê; e isto alimentava uma esperança difusa.Era a minha mola da vida…

Será que o que eu tanto desejava chegou?!Será essa a minha angústia?!

Hoje converso com essa angústia.Uma angústia desnecessária.Diferente das outras…uma angústia criada, alimentada, causada, procurada…ESPERADA!

Quero livrar-me dela!Não vejo saída!

Procuro de volta a esperança.Não está mais lá!Se foi…

Preciso mergulhar em mim e de novo me achar…

Data original da publicação: 21terça-feiraago 2012

Publicado por Qzia Carvalho em http://blogdaqzia.wordpress.com/2012/08/

Deixe um comentário