Príncipe ou Sapo.

25 de Abril de 2014 Paty Viana Crônicas 629

  Essa semana eu estava
conversando com a minha tia e o assunto principal era homem, claro. Estávamos
falando como hoje em dia a palavra amor ficou banalizada. Que o homem no
terceiro ou quarto encontro, já vem falando todo querido: - Acho que te amo? Mas o que eu quero dizer é como
é fácil falar essa palavra, ela parece que perdeu o sentido, tudo está se
tornando sem valor. E a culpa é nossa, mulherada! Que ficamos a caça do
príncipe encantado, e acabamos caindo no primeiro trote do homem ideal. Que ele
vai chegar num cavalo branco nos colocar na garupa e nos fazer felizes para
sempre. Porém o que nós não enxergamos no primeiro momento é que o cavalo é um
burro velho e manco e aquele lindo príncipe que beijamos se transformou num
sapo gordo e vagabundo, que fica nas nossas costas como um parasita sugando
nossa beleza, energia e juventude. Claro, queridas leitoras, estou parecendo
uma velha ranzinza e rabugenta, não é todo homem que é assim, a cada dez, um
escapa. Brincadeirinha vamos aumentar para dois.






Leia também
A Humildade nos Cai Bem há 3 horas

Se o domínio total é do Senhor, porque o poder pertence a ele, isto dever...
kuryos Artigos 7


Fuga da Inspiração há 4 horas

Preciso terminar um poema que comecei numa empolgação danada... Dep...
a_j_cardiais Poesias 39


Um Dilema há 5 horas

Estou aqui reclamando da minha "vidinha", enquanto tem alguém por aí que...
a_j_cardiais Poesias 37


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 6 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 12


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 5 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 9


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 4 há 8 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 10