Segundos

30 de Maio de 2014 Rob Santos Crônicas 600

Num desses desencontros loucos da vida eles decidiram que não dava mais para seguir andando do mesmo lado na estrada do amor. Uma ligação de apenas 02 minutos e 32 segundos foi o bastante para colocar fim naquele romance que juravam ser eterno.

Ela ligou para a melhor amiga e em 01 minuto e 37 segundos contou tudo o que tinha acontecido. 15 minutos e 28 segundos depois já estava no colo dela e em prantos dizendo que não dava mais para continuar com aquilo. Entre potes de sorvete, pipocas e filmes melosos ela chora até adormecer. Acorda com dor e saudade, pega o telefone e apaga todas as mensagens, sms e tudo o que possa fazê-la lembrar dele.

Ele chamou os amigos para beber em uma ligação que durou apenas 56 segundos. Bebeu muito, encheu a cara, meteu o pé na jaca. Entre shots de tequila e doses duplas de whisky ele falava que não queria mais o relacionamento daquele jeito e que agora iria dar um tempo. Com uma ressaca monstra e a cabeça pesando mais de 100 quilos, ele pegou o telefone e trocou o nome fofo dado a ela na sua agenda por um “não ligar para ela”.

Separados e incompletos foram seguindo as suas vidas por mais de 7889400 segundos. Outras relações tiveram, outras pessoas apareceram, mas como peças de um jogo de tetris elas não se encaixavam no espaço que estava vago desde a partida do outro.

Depois de tantas derrotas no jogo bobo do amor eles cansaram de tentar vencer uma guerra na qual não existem vencedores. Cansaram de tentar encaixar um retângulo onde só cabe um círculo e/ou tentar combinar calça preta e meia branca e resolveram tentar de novo.

Após um telefonema de 35 segundos, resolveram se encontrar e reatar aquilo que tinha ficado parado. Quando se viram, bastou mais 10 segundos para os seus corações se conectassem novamente e outros 5 segundos para que seus lábios estivessem de novo na mesma frequência na forma de um caloroso beijo.

Ao final daquela troca de carinhos, eles se olharam e juntos disseram “Eu te amo”. E foi aí que perceberam a bobagem que fizeram em ficar separados todos esses segundos.  


Leia também
CIDADE DOS PATOS (cordel infantil) há 20 horas

Vivia na bela cidade dos patos Um velho pato que contava fatos De uma fam...
madalao Infantil 5


"Feliz...dia...de...São João" ... há 1 dia

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 6


No Vento da Literatura há 1 dia

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 38


Bendito Amor Eterno há 2 dias

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 15


"Vendo" há 2 dias

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 10


"Te amo vinho tinto" há 2 dias

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 11