Essa menina, anti-social, prefere escutar música com seu fone do que
socializar, muitas pessoas a criticam por isso, mas essas pessoas não
procuram nem saber o porque dela fazer isso, ela faz isso porque a
sociedade a machucou e ainda machuca, não fisicamente, mas em palavras
não pensadas e atitudes mal calculadas, mas quando ela chega em casa, se
tranca, segura a sua velha amiga lâmina, acha a parte mais afiada e
passa por todo braço, e junto com o sangue que sai de seu pulso, as
lágrimas rolam pelo seu rosto.