É um ato ilicito ao homem sonhar com os braços cruzados, uma infamia ao carater sonhar sem agir. Sonhos não são milagres de um acaso, sonhos  são ideais, que quanto mais elevados forem, mais exigem uma luta obstinada por parte do sonhador, para que a realização seja um ideal a altura do sonhador, se requer força, determinação, coragem, paciencia e esperança que continua viva, mesmo diante de todas as circunstancias contrarias.



Clavio J. Jacinto