Obscura II (Tratado da manifestação)

07 de Dezembro de 2013 FKarvalho Ensaios 1258

<

Não
a nada conclusivo sobre o alem vida, pessoas que partiram desse plano e retonam pelo espiritual. Mas a de existir entidades, essências alem da criação. Tão antigas que são chamadas de forças primitvas. Como a escuridão, luxuria vaidade, gula. Conhecidos como pecados. Essas força receberam nomes de acordo coma vontade dos homens, da nomes ao desconhecido e uma forma de você vencer o medo e contralar de certo forma o desconhecido. O ser humana e um canal, um receptor ele capta a ressoancia destas entidades devido a vibração energética que o envolve assim
absorvendo essas vibrações e sendo influenciadas. E assim sofrenddo com a obsessão dessas forças. A mescla da psique humana e as forças primitivas geram ormas magneticas. A palavra magnética e empregada devido a emanação do eu projetada que resulta a atração.e a soma com as forças primitivas geram “larvas” psíquicas que se alimentam das mesmas forças primitivas relacionada a sua criação que vão se desenvolve e criando formas e força supranatural. Essas forma chegam a ser conhecidas como demônios, obssessores. Taias “larvas” exsitem entre nos a milhares de anos. Acumulando força e poder  influenciado a humanidade. Tudo por causa de apenas um pensamento. Essas forças são chamadas de “inferis” agora cabe a você policiar os seus pensamentos evitando o generalismo e os pensamentos negativos e a imposição da sua vontade a vontade de outros>

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
Sintomático há 2 horas

Divagando pela favela, penso nela olhando a aquarela do sol se pondo. ...
a_j_cardiais Sonetos 25


"Minha humilde casinha" há 2 dias

Tenho na minha casa Quatro cadeiras e um colchão Uma mesa, e roupas pelo...
joaodasneves Poesias 18


Se Poema For Oração há 2 dias

Senhor, este poeta perdido vem Vos fazer um pedido: dai-me Vossa paz. ...
a_j_cardiais Poesias 66


"Bailei com a solidão" há 2 dias

"Bailei com a solidão" A beira do mar espero a Solidão E escuto ja o ...
joaodasneves Acrósticos 15


Perseverar Até o Fim – Parte 1 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 30


Perseverar Até o Fim – Parte 2 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 13