Não te deixo por não mais te desejar, mas não me aguento mais os pés, nem a mente repleta de pensamentos que pululam, ululantes.