Tenho chorado baixinho para ninguém ver minhas lágrimas...sinto-me frágil como uma criança...grito por Deus que venha ao meu socorro acalmar o meu coração!

                           - Eunice Alves-