Quem semeia rosas, corre o risco de ser ferido pelos espinhos, assim como quem tenta semear o amor entre os homens, corre o risco de sofrer a decepção daqueles que são demasiadamente ingratos