Sempre depois de uma preposição: A, ANTE, ATÉ, APÓS, CONTRA, DE, DESDE, EM, ENTRE, PARA, PERANTE, POR, SEM, SOB e SOBRE, usamos os pronomes pessoais do caso oblíquo tônicos MIM e TI:

- Não há mais nada ENTRE MIM e TI.

- Não se comprovou qualquer ligação ENTRE TI e MIM.

- Não há nenhuma acusação CONTRA MIM.

- Não vá SEM MIM.

- Ele virá depois DE TI.

Portanto, nunca use: A EU, DE EU, SEM EU, SOBRE EU, nem A TU, DE TU, SEM TU, SOBRE TU.

O correto é: A MIM, DE MIM, SEM MIM, SOBRE MIM, ou A TI, DE TI, SEM TI, SOBRE TI e PARA TI.

Muito menos, COM EU nem COM TU; o correto é COMIGO e CONTIGO.

NÃO ERRE MAIS! OK!