A nossa reforma ortográfica reformulada e assinada em 2009 com o nosso ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que entrará em vigor a partir do dia 1 de Janeiro de 2013,vai fazer grandes mudanças radicais como:

 -Hífen

 -Acento circunflexo que irá tirar;entre outras grandes mudanças.

 Essa iniciativa que o Brasil está fazendo é para tentar "amenizar" o número de analfabetos,melhorar nossa  educação,diminuir a evasão escolar e que nosso vocabulário seja "rico",mas quem garante que isso vai aderir em nosso país?

 O maior problema disso tudo pe que nosso português tão cobrado e imponente será bem mais complexo para nossas crianças que estão começando a ler e a escrever;principalmente para aquelas que não gostam do nosso próprio idioma.

 A dificuldade para interpretar nossaprópria gramática,como fazer uma análise sintática,saber a funçãosemântica que exerce no contexto da oração;obviamente precisaríamos de um reforço maior diante tal gravidade da chamada Língua Portuguesa.

 Para nós;jovens e adultos,também não será uma experiência fácil;porque muitas das vezes não sabemos separar a linguagem abreviada contida via internet com a linguagem formal utilizada na nossa língua.

 O Brasil,em geral,não está preparado para tais mudanças,por que nossa educação é deficitária,nosso vocabulário não é vasto,"pegamos" palavras simples sem ao menos conhecê-los os sinônimos desses mesmos para aplicá-las em um texto ou,na prova de seleção para uma faculdade,só resta tentarmos,inovarmos com uma nova esperança para que nossos filhos de amanhã não sejam como os filhos de hoje,sem aprender a norma culta da língua.