Parodia Luíz de Camões

02 de Julho de 2014 Null0br Homenagens 1368



“É um querer confundir bem confundido;
É um lindo bem mais que um trocadilho;
É um fugir do assunto colocando algo sem sentido;
É um colocar anáfora com repetições que deixou o texto
bonito.”

“Amor é bebida que se bebe sem beber e este paradoxo é
mais ruim que todas as musicas do Justin Bieber.”

“Aqui escrevo fora da gramática grande besteira moram a
palavra grande no futuro sonham, termino com humana antiguidade.”

“ um colocar enumeração agora; algo valente;
um sentimento sem ter sentido;
um algo com qualidade;
um modo bizarro que se torna um clássico:


Este foi um belo bolo fecal
Que fará de mim, um autor requisitado,
Um renascentista apaixonado.”


Uma parodia baseada em texto clássico deste grande renascentista Luíz de Camões.




Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
Lembra? há 2 dias

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 21


Principio há 2 dias

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 13


Viandar há 2 dias

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 11


Fluxo do tempo. há 2 dias

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 14


Sou há 2 dias

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 12


Ame...! há 2 dias

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 11