Aqui estou eu, carrancudo, velho,
triste , sentido, saudoso de ti,
uma pálida sombra sem vida.

Aqui estou eu, longe de mim mesmo,
perdido de tudo que acredito,
perdido da essência que sou.

Aqui estou eu, sozinho na vida.

Aqui estou eu, só à tua espera.