Capítulo 1 - Lampejo (parte 2)

09 de Agosto de 2012 Aydée Mercedes Juvenil 657

"Dezessete anos não é uma grande idade, um marco na vida de qualquer adolescente. No entanto, era o meu aniversário, e ele não existe sem festa. E o melhor era que finalmente ele não seria comemorado na área externa da minha casa, com convidados dos meus pais que eu nem ao menos conhecia, mas que sempre insistiam em comentar o quanto eu crescera, embora eu nunca lembrasse tê-los visto anteriormente.


Seria numa danceteria, com convidados escolhidos por mim. Apesar de esse ter sido um grande problema. Quem convidar para o seu aniversário quando você não tem amigos realmente próximos? Que tal todo o corpo estudantil da sua escola? Pelo menos do último ano, do qual faço parte? E eles jamais recusariam um convite meu. Não me pergunte o porquê. Nem ao menos pela minha situação financeira, uma vez que a maioria deles são igualmente ricos."

continua: //quimera1.blogspot.com.br/2012/07/dezesseteanos-nao-e-uma-grande-idade-um.html


Leia também
ETERNAL (rondó) há 1 hora

ETERNAL (rondó) Não o poeta, sim a poesia Em cada verso haveria- De ...
ricardoc Poesias 5


Sintomático há 7 horas

Divagando pela favela, penso nela olhando a aquarela do sol se pondo. ...
a_j_cardiais Sonetos 26


"Minha humilde casinha" há 2 dias

Tenho na minha casa Quatro cadeiras e um colchão Uma mesa, e roupas pelo...
joaodasneves Poesias 18


Se Poema For Oração há 2 dias

Senhor, este poeta perdido vem Vos fazer um pedido: dai-me Vossa paz. ...
a_j_cardiais Poesias 66


"Bailei com a solidão" há 2 dias

"Bailei com a solidão" A beira do mar espero a Solidão E escuto ja o ...
joaodasneves Acrósticos 16


Perseverar Até o Fim – Parte 1 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 31