Precisaríamos compreender que às vezes as outras pessoas erram, mas isso não as tornam pessoas ruins. E que para consertarem seus erros, precisariam de uma segunda chance, e então foi criado o perdão.