NOITES EM MEMÓRIA

13 de Setembro de 2013 SIGRID SPOLZINO Pensamentos 336

Pelo ar, jasmins cobrem noites
uma fina chuva embevecida
de sonhos e desejos se inicia
Adentra madrugada feito mar
ondas e ondas de memórias
E, antes que o sol rompa
cá a lembrar teus beijos
a lembrar teu olhar a tocar
Por um instante param as horas
e, possui-me toda com teu olhar
venham os beijos
sigam os toques
Até que rompa luz d'outro dia
olhos cruzam silenciosas palavras
Ei-los... intensos toques partilhados
Ah! Memórias... regresso deixando lá
um paraíso em stand by

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Lembra? há 1 dia

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 10


Principio há 1 dia

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 9


Viandar há 1 dia

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 9


Fluxo do tempo. há 1 dia

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 10


Sou há 1 dia

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 10


Ame...! há 1 dia

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 8