Professor Gilmar Mascarenhas disse tudo, esses megaeventos não passam de capitalizadores transnacionais, o país anda à demanda do capital, o povo é obrigado a se adaptar, vai embora aquela verba pública do hospital, da escola, do saneamento etc. O povão, aquele que não perde uma partida, aquele que dorme em porta de estádio e que sabe nome até dos reservas, esse vai assistir pela tv e só, paguemos mais uma atração sensacional para a burguesia, e até quando?