Não existe verdadeira bondade onde não existe o ato de compartilhar. Um coração egoista nunca experimenta a alegria, mas tão somente a escravidão de seus sentidos.