Dê uma rosa à um pessimista que dirá :

- Mas quantos espinhos há nessa pobre planta.

E talvez a mim mesmo direi:

- Quão belo é o botão por trás de tantos espinhos.

Como espectador é difícil jurar pureza ao seu olhar, com 

tantas influência do meio.

.

Sir Melhado