É amor mesmo

29 de Maio de 2014 Edson veloso Pensamentos 286

Vou dizer que te amo pouco, quase nada, mesmo te amando mais que tudo, inclusive mais do que a mim mesmo. Vou dizer que odeio teu cheiro, mas te esconder o fato que às vezes respiro fundo perto de você, só pra eu senti-lo. Vou falar uma, duas, três vezes que acho seu sorriso feio, que seus dentes são tortos e que seus lábios são demasiadamente finos, mas nunca, nunca mesmo, saberá que todas as minhas piadas, e brincadeiras sem sentido, tem por intuito vê-la sorrir. Não é orgulho, é amor mesmo. Tropeçou em minha vida, e foi extremamente fácil me acostumar com ele. Mas hoje eu acordei diferente, enxergando o que antes não via. Estou compromissado em me tornar extremamente feliz, sem ressentimentos, sem ilusões desnecessárias, distante da sua falta de intensidade, distante da nossa história que nem chegou a desabrochar, distante de você, de nós, distante... Sem magoa. Comigo, apenas um sorriso convidativo de quem se ama. 

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Naveguei" há 6 horas

Naveguei entre mares, e tempestades, ninguém me acompanhou, Meu sofriment...
joaodasneves Poesias 11


O Importante no Poema há 8 horas

O importante no poema, é que ele voe, mesmo não tendo nascido para voa...
a_j_cardiais Poesias 29


LUTA ARMADA há 1 dia

LUTA ARMADA Aqueles tidos como imprescindíveis Pelo afã de lutar toda...
ricardoc Sonetos 8


Paz Celestial há 2 dias

Paz na alma é muito mais Do que paz de mente... pois passa desta par...
kuryos Artigos 18


Poema Rosa Para um Dia de Sol há 2 dias

A Rosa Emília A Rosa que an...
a_j_cardiais Poesias 63


Poema Suado há 2 dias

Estou num deserto de inspiração... Nada passa por aqui... Nem ladrão. ...
a_j_cardiais Poesias 51