Cara, eu já não sei de mais nada. Juro que não sei.
Mais um motivo por eu ter desistido dos homens, e talvez quem sabe estou
desistindo de gostar de alguém, de amar, de se apaixonar. A cada dia
que passa eu me perco mais na mente humana e fico como se eu estivesse
numa estrada solitária, num beco sem saída. Apenas olhando a vida passar,
tomando um rumo que eu não sei qual. Meu Deus, que vida é essa?