Balada de tua lembrança

04 de Julho de 2014 Leonardo Koury Poesias 209

Balada da tua lembrança

Quero sentir até as dores

Que sua mocidade faz-lhe ter

Quero ser motivo do seu sorriso.

Contigo bem perto, ao amanhecer.

Não basta o Sol,

Nem mesmo a Lua.

Caminho pela rua

Na espera de te encontrar.

Quero teu abraço

E aquecer sua pele nua.

Te arrancar mil gemidos

E respirar o teu ar.

Mesmo na distância

Eu ainda consigo.

Guardar na lembrança

Teus pedaços de amor.

Cultuamos coisas tão lindas

Que nada diminui teu olhar

E compensa teu calor.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Janela Para o Amor há menos de 1 hora

Abra sua janela para o Amor... Não o amor de um só. O Amor de um sol, ...
a_j_cardiais Poesias 20


Desconstruções há menos de 1 hora

Minha vida muitas vezes fica tão distante dos meus poemas... Quando as c...
a_j_cardiais Poesias 19


"Amiga cadeirante" há 1 hora

Vi alguém que me fez chorar, Enquanto eu passeava a beirinha mar, Ela ar...
joaodasneves Homenagens 4


"A felicidade és tu" há 2 horas

Nada mais bonito Que olhar as estrelas E ver-te a Ti Sentir a brisa da n...
joaodasneves Poesias 5


"Adoraria" há 9 horas

Eu adoraria mesmo era saber! Se realmente não sentes mesmo nada? Se não...
joaodasneves Poesias 8


"Teolenny" há 19 horas

Tu um dia foste meu amor. Eu te amei como nunca tinha amado. Onde juntos ...
joaodasneves Acrósticos 6