Vida

16 de Julho de 2014 SMFERREIRA Poesias 250

Na jornada temporária chamada vida, temos muito o que aprender, assim como as flores aprenderam a desabrochar para maravilhar a natureza que as rodeiam, tão como os pássaros aprenderam a migram para procurar pelos seus alimentos que onde estavam já não existe mais, já passada grande parte da vida, ou seja, ja no final dos dias, paramos para analizar o que deixamos de fazer e que hoje ja não podemos voltar atraz, doce é a vida para quem sabe como aproveitar o tempo curto que lhe foi destinado pelo criador do céu e da terra, já nascemos com o dom de amar as pessoas, so não sabemos como por isso em prática no desenrolar da vida, que possamos a partir de hoje pararmos um pouco a nossa correria do dia a dia e pensar, será que isso que estou fazendo esta correto? será que é dessa forma que eu queria que minha vida desenrola-se? Que possamos nos questionar e melhorar para fazer não so as nossas, mais também, a vida das outras pessoas melhor, e que jamais nos esqueçamos o sigificado da palavra vida!

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
CIDADE DOS PATOS (cordel infantil) há 5 horas

Vivia na bela cidade dos patos Um velho pato que contava fatos De uma fam...
madalao Infantil 5


"Feliz...dia...de...São João" ... há 12 horas

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 5


No Vento da Literatura há 13 horas

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 29


Bendito Amor Eterno há 1 dia

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 12


"Vendo" há 2 dias

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 7


"Te amo vinho tinto" há 2 dias

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 10